segunda-feira, 10 de maio de 2021

Em entrevista à um jornal argentino, Maria do Rosário associa líderes do Governo à morte de Marielle

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 1

A deputada Maria do Rosário (PT-RS) concedeu uma entrevista ao jornal “Página 12” da Argentina. Questionada sobre o assassinato de Marielle Franco, ela disse não ter dúvidas, de que a morte da vereadora foi um grave crime político.

E mesmo com as prisões dos supostos assassinos, a parlamentar considera que o crime continua impune e acusa os atuais líderes políticos de serem os responsáveis. “Está impune porque los actuales líderes políticos son responsables de lo que pasó, declarou a pestita.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 2

“Yo no tengo dudas y estoy segura de las responsabilidades criminales de personas vinculadas a las actuales autoridades. Sabemos que influyeron para que se viviera la situación de odio que atraviesa el país y que llevó al asesinato de Marielle (sic) ”.

Maria do Rosário comentou o episódio em que o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente Jair Bolsonaro disse que ninguém conhecia  Marielle Franco antes de ela ter sido assassinada.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 3

“Estamos vivendo um período político no Brasil em que a república foi transformada em uma família autoritária, sem limites e que está ligada a grupos criminosos. É o que está acontecendo no Brasil, onde esses grupos, como as chamadas milícias, cercaram o poder. É por isso que neste momento existe uma mistura entre o Estado, o poder do Estado e o Bolsonaro”, relatou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 5
Gazeta Brasil
Gazeta Brasilhttps://www.gazetabrasil.com.br
A Gazeta Brasil é um jornal brasileiro diário editado na cidade de São Paulo. Publica textos, fotos, vídeos no formato digital. Faz parte do grupo AZComm Comunicação e Eventos.
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Últimos artigos