Foto: reprodução

Augusto Nunes se manifestou, nesta quinta-feira (07), sobre a briga que teve com Glenn Greenwald, durante o programa Pânico, da Jovem Pan, na tarde de hoje.

“Eu fui insultado moralmente. Aí adverti para que ele não usasse a palavra ‘covarde’, que é insultuosa, que é grave. Adverti cinco vezes, ele insistiu. Eu tinha duas opções: ou reagir com altivez ou engolir o insulto. Não tive alternativa”, afirmou o jornalista à Folha.

“Eu reagi como qualquer homem reagiria”, completou. “O agredido fui eu. Eu reagi a uma agressão.”

Augusto Nunes disse mais: “Eu me sinto completamente tranquilo. Saí de lá em paz comigo mesmo. Não havia o que fazer.”

Siga a Gazeta Brasil no Instagram