351.201: este é o número de pessoas que já se curaram no mundo em meio à pandemia do novo coronavírus até o fim da manhã desta sexta-feira (9), segundo dados da universidade americana Johns Hopkins. A China, país onde o vírus surgiu no fim de dezembro, é a líder em números de cura, com mais de 77.679 pessoas recuperadas. Em seguida, aparece a Espanha, com 52+165 curados.  Alemanha, com 50.557 e a Itália, com 28.470, vêm logo depois.

O número de curados é quase quatro vezes maior (3,7) que o de mortos, que, segundo a Johns Hopkins, é de 94.407.

Segundo a Johns Hopkins, o número total de casos da Covid-19 no mundo ultrapassou a marca de 1,5 milhão. Para ser mais preciso 1.582.904 pessoas já foram infectadas com o novo coronavírus em todo o planeta.

Considerando apenas o número de mortos pela Covid-19, a Itália lidera a lista, com 18.279 óbitos até o momento. Espanha (15.238), França (12.210) e Reino Unido (7.978) aparecem logo depois, provando que a Europa é o continente com mais vítimas fatais por enquanto.

O Brasil, com 941 mortes, é o 13º país com mais óbitos pela doença no planeta.

Siga a Gazeta Brasil no Instagram