Deputado distrital Hermeto — Foto: Reprodução/TV Globo

Ouça essa matéria na integra

O deputado distrital Hermeto (MDB) foi condenado pelo Tribunal de Contas do Distrito Federal a pagar multa de R$ 8 mil por irregularidades na época em que ele atuou como administrador da Candangolândia.

A decisão foi publicada na última quarta-feira (18). A pedido do político, o pagamento será feito em quatro parcelas de R$ 2 mil – sem contar a correção pelos juros.

Acionado pela reportagem, Hermeto afirmou que o caso “refere-se a um processo administrativo que agora se encerra com o pagamento de uma multa que honrarei conforme determinação do TCDF”.

Ainda de acordo com o parlamentar, “vale frisar que a conduta não foi dolosa, não havendo dano ao erário.”

Irregularidades

De acordo com o Tribunal de Contas, em 2013, a administração comandada por Hermeto fez uma compra de material de construção sem apresentar justificativas para o gasto. Também não mostrou documentos comprovando que o recurso, de fato, foi usado. Apenas fotos foram anexadas como “prova” das obras.

-Por G1