Ouça essa matéria na integra

O Ministério Público Federal (MPF), pediu à Justiça mineira que a suspensão das inscrições e a alteração nos calendários do Sisu, do Fies e do Prouni, em função dos erros na divulgação das notas do Enem.

Na ação, o MPF solicita que o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), responsável pelo exame, faça uma nova conferência das notas dos candidatos.