segunda-feira, 23 de novembro de 2020

Para reduzir gastos, Ministério da Economia corta até cafezinho

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O Ministério da Economia esperar poupar R$ 366 milhões neste ano reduzindo despesas da Pasta que incluem limitação do expediente e até corte no cafezinho. Está previsto, além disso, o remanejamento de 1,8 bilhão em recursos para atividades com maior prioridade do ministério, como os sistemas da Receita Federal e do INSS.

Na semana passada, uma reportagem feita pelo O Estado mostrou que a falta de recursos poderia levar a Receita Federal a desligar todos os seus sistemas informativos a partir do dia 25 de agosto. Avisos internos chegaram a circular entre as áreas do órgão informando que, se não fossem liberadas mais verbas do orçamento, os sistemas responsáveis por emissão de CPF e processamento de restituições de Imposto de Renda seriam desligados, entre outros.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A portaria determina quanto o ministério vai ter de cortar de cada item. Por exemplo:

  • Café (máquinas e insumos): 100%
  • Telefonia celular: 50%
  • Estagiários: 50%
  • Consumo: 75%
  • Jornais e outros períodos: 25%
  • Bolsas de estudos e auxílio a pesquisadores: 25%.

O secretário executivo do Ministério da Economia, Marcelo Guaranys, afirmou que os cortes não irão afetar nas prestações de serviço essenciais ao cidadão.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Anne Viana
Anne Viana
Jornalista, editora de Política da Gazeta Brasil
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Últimos artigos

Presidente da China pressiona por um código QR global da Covid-19

O presidente chinês Xi Jinping está fazendo pressão para a aquisição de um rastreamento global de Covid-19 utilizando códigos QR. O objetivo é ajudar...

Senador Irajá Silvestre Filho é acusado de estupro

O senador Irajá Silvestre Filho (PSD-TO),  filho da também senadora Kátia Abreu (PP-TO) foi acusado de estupro por uma modelo de 22 anos. Um boletim...

Sâmia Bomfim testa positivo para Covid-19

Nesta segunda-feira (23), a deputada federal Sâmia Bonfim (PSol) disse que testou positivo para Covid-19. Ela passa bem e está sem sintomas agudos, informou...

Barroso: ‘Conservadorismo radical busca acabar com a democracia’

Durante lançamento de um curso de Direito, o ministro do STF Luis Roberto Barroso afirmou nesta segunda-feira (23) que o populismo e o conservadorismo...

Governo quer privatizar transposição do Rio São Francisco

Privatizar transposição Rio São Francisco O Governo Bolsonaro pretende privatizar até julho de 2021 a operação de funcionamento da transposição do Rio São Francisco. A...