Com a redução do número de passageiros, a SPTrans, empresa que administra os ônibus da capital paulista, decidiu fazer ajustes e reduzir a frota de ônibus em circulação a partir de amanhã (30).

Segundo a administração municipal, a frota de ônibus em circulação a partir de amanhã na capital paulista será de 40%, já que o número de passageiros transportados caiu em torno de 77% sobre a média diária em dias úteis.

Por determinação da prefeitura e do governo paulista, o comércio e as escolas estão fechados em São Paulo como tentativa de se reduzir a propagação do coronavírus (covid-19), funcionando apenas os serviços essenciais como mercados e farmácias. Isso diminuiu o fluxo de pessoas nas ruas.

A SPTrans informou que vai seguir monitorando a movimentação de passageiros diariamente e fará ajustes, caso seja necessário. De acordo com o órgão, a frota de ônibus que circula de madrugada, entre a meia-noite e as 4h, passou de 430 para 211 veículos, o que significa que haverá maior intervalo de circulação entre os veículos.

Siga a Gazeta Brasil no Instagram