O Ministério da Defesa anunciou nesta sexta-feira (7) a participação das Forças Armadas no desfile de 7 de Setembro no Brasil. A portaria que informa sobre a decisão hoje no “Diário Oficial da União”. A decisão foi tomada em razão da pandemia do novo coronavírus  no país.

“Como é de amplo conhecimento, o país, como considerável parte do mundo, enfrenta a pandemia do Covid-19, não sendo recomendável pelas autoridades sanitárias a promoção de eventos que possam gerar aglomerações de público, devido ao risco de contaminação. As condições atuais indicam que tal recomendação deva ainda vigorar durante o mês de setembro, abrangendo, assim, o período de celebração do 198º Aniversário da Proclamação da Independência do Brasil”, diz a portaria. E completa:

 

“Em consequência, de acordo com as coordenações realizadas com a Presidência da República, determino aos comandantes da Marinha do Brasil, do Exército Brasileiro e da Força Aérea Brasileira que orientem suas respectivas Forças para se absterem de participar de quaisquer eventos comemorativos alusivos ao supracitado evento como desfiles, paradas, demonstrações ou outras que possam causar concentração de pessoas”.