O presidente Jair Bolsonaro determinou nesta quarta-feira (12), a criação de um departamento específico para tratar de políticas públicas voltadas para pets como cães e gatos.

A Coordenação Nacional de Proteção e Defesa Animal foi instituída por meio de decreto publicado no Diário Oficial da União que reestruturou o Ministério do Meio Ambiente de Ricardo Salles. As mudanças têm 45 dias para serem implementadas.

“Esse foi um pedido do presidente. Nunca teve nada nesse sentido de defesa e proteção animal. É a pauta de proteção dos pets, cachorros, gatos. Vemos discussão disso todos os dias e não tinha na Esplanada quem cuidasse dessa pauta”, disse Salles ao Estadão.

A criação da Coordenação é uma promessa de campanha feita por Bolsonaro.

“Em falar em animais de estimação, vocês podem ter certeza que em nosso governo teremos uma secretaria específica para tratar dos direitos dos animais, os animais merecem respeito”, disse Bolsonaro em 2018, durante entrevista à Rádio Arapuan, da Paraíba.