Bolsonaro – Renda Brasil

O presidente Jair Bolsonaro negou na manhã desta terça-feira (15), em suas redes sociais, que seu governo vai congelar aposentadorias ou cortar auxílio para idosos e pobres com deficiência para a criação do Renda Brasil.

A imprensa havia repercutido que o ministério da Economia estava estudando congelar aposentadorias e pensões por dois anos para reduzir os gastos e, assim, abrir espaço no Orçamento para o Renda Brasil, que deve substituir o Bolsa Família.

“Congelar aposentadorias, cortar auxílio para idosos e pobres com deficiência, um devaneio de alguém que está desconectado com a realidade. Como já disse jamais tiraria dinheiro dos pobres para dar aos paupérrimos”, escreveu o presidente.

Assista