Foto: produção

O presidente Jair Bolsonaro explicou na manhã desta quinta-feira (13), ao sair do Palácio da Alvorada, por que deixou os governadores fora do Conselho da Amazônia.

“Se você quiser que eu bote governadores, secretários de grandes cidades, vai ter 200 caras. Sabe o que vai resolver? Nada. Nada. Tem bastante ministros. Nós não vamos tomar decisões sobre estados da Amazônia sem conversar com governador, com a bancada do estado. Se botar muita gente, é passagem aérea, hospedagem, uma despesa enorme, não resolve nada”, afirmou.

Siga a Gazeta Brasil no Instagram