Em sua tradicional live de quinta-feira (9), o presidente Jair Bolsonaro voltou a defender o uso da hidroxicloroquina no tratamento da Covid-19. O chefe do executivo parafraseou uma fala do ministro da Saúde. “Médico não abandona paciente, mas o paciente troca de médico”, disse sem citar o nome de Mandetta. O ministro tem falado repetidas vezes que “médico não abandona paciente” ao dizer que não deixará o cargo. 

“Parabéns ao Conselho de Medicina do Amazonas que recomendou a cloroquina, inclusive para casos mais leves. É uma chance, uma oportunidade. Se você vai no médico, com toda certeza o médico vai ser favorável (ao uso do medicamento), porque o médico não abandona o paciente, mas o paciente troca de médico. Se você vai ao médico, e ele receita algo que você sabe que não vai dar certo, você tem o direito de trocar de médico, com todo respeito”, disse Bolsonaro. 

Siga a Gazeta Brasil no Instagram