FOTO: JOHANNES EISELE/AFP/Getty Images)

O ministro das Relações Exteriores da China, Wang Yi, afirmou nesta quinta-feira (10), que seu país é “vítima de preconceito ideológico”, informa a Revista Oeste. Por isso, quer reaproximação com os Estados Unidos para desfazer qualquer má impressão.

“Alguns dos EUA, com preconceitos ideológicos, estão recorrendo a todos os meios possíveis para nos retratar como adversária e até como inimiga”, disse Wang Yi em discurso veiculado pela imprensa local.

Além disso, o ministro pediu uma reaproximação com os norte-americanos:

“A China está pronta para falar, se os Estados Unidos quiserem. Somente o diálogo pode evitar mal-entendidos”.

Siga a Gazeta Brasil no Instagram