Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, e a primeira-dama, Cilia Flores 17/05/2018 REUTERS/Carlos Jasso

Os Estados Unidos estão se preparando para acusar formalmente a esposa do ditador da Venezuela, Nicolás Maduro, nos próximos meses de crimes que podem incluir tráfico de drogas e corrupção, relata a Reuters.

Segundo a agência de notícias, se os EUA forem em frente com um indiciamento da primeira-dama, Cilia Flores, acredita-se que as acusações derivarão, ao menos em parte, de uma transação de cocaína frustrada que já levou dois de seus sobrinhos a uma penitenciária do estado norte-americano da Flórida.

Nicole Navas, porta-voz do Departamento de Justiça dos EUA, não quis comentar nenhuma investigação ou acusação pendente contra Flores.

Siga a Gazeta Brasil no Instagram