Dois homens morreram em protestos violentos na noite desta sexta-feira (29). Em Detroit, no estado de Michigan, um manifestante de 19 anos foi baleado e morreru. Uma pessoa passou atirando de dentro de um carro contra uma multidão. Em Oakland, na Califórnia, um oficial do Serviço de Proteção Federal morreu depois de ser baleado durante as manifestações.

Manifestantes foram às ruas da cidade de Minneapolis ontem pela quarta noite seguida para protestar após a morte do afro-americano George Floyd durante uma ação policial. 

De acordo com o New York Times, a mobilização do Exército foi determinada pelo presidente Donald Trump