Nos siga em

O QUE ESTÁ PROCURANDO

Nikolas Ferreira
Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados

Política

PF decide não indiciar Nikolas após deputado chamar Lula de “ladrão que deveria estar na prisão”

Na terça-feira (18), a Polícia Federal (PF) concluiu que o deputado federal Nikolas Ferreira (PL-MG) cometeu crime de injúria contra Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ao dizer que o petista é um “ladrão que deveria estar na prisão”. Porém, a Polícia Federal decidiu não indiciar o parlamentar “por se tratar de crime de menor potencial ofensivo”.

No relatório sobre o caso, o delegado Fabio Fajngold afirma que “as declarações ofensivas do deputado federal Nikolas Ferreira não estão protegidas pela imunidade constitucional” e, “pelo menos em tese, configuram o crime de injúria contra o presidente da República”.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

A PGR agora analisará o relatório final da PF sobre Nikolas e decidir se denuncia o deputado federal, se solicita o arquivamento do caso ou se pede novas diligências aos investigadores. A PGR defendeu em março a abertura do inquérito no Supremo Tribunal Federal (STF) sobre o caso.

Durante evento da ONU, realizado nos EUA em novembro do ano passado, Nikolas Ferreira afirmou que o mundo seria um lugar melhor “se não tivessem tantas pessoas prometendo melhorá-lo”, fazendo citação a Olavo de Carvalho, morto em 2022.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

“Se encaixa perfeitamente com Greta [Thunberg, ativista] e Leonardo DiCaprio [ator], por exemplo, que apoiaram o nosso presidente socialista, chamado Lula, um ladrão que deveria estar na prisão”, afirmou Nikolas.

Dias depois do evento na ONU, Lula acionou o então ministro Flávio Dino, da Justiça e Segurança Pública, pedindo que adotasse as medidas cabíveis contra o deputado. A Presidência defende que Lula foi vítima de um discurso ofensivo à honra.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

A PGR defendeu a abertura de uma investigação contra Nikolas no STF alegando que o discurso “demonstra, sem maiores dúvidas, a possível prática do crime de injúria contra o presidente”.

O vice-procurador-geral Hindenburgo Chateaubriand Filho afirmou ao Supremo que Nikolas tem assegurada imunidade parlamentar por suas palavras, opiniões e votos, mas ponderou que a prerrogativa “não se estende a situações que, sendo estranhas a essa causa, a transformem em privilégio”.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Luiz Fux, responsável pelo caso no STF, determinou em abril a abertura do inquérito da PF. Fux entendeu haver indícios da suposta prática de crime contra a honra de Lula e que a suspeita “demanda esclarecimentos quanto à eventual tipicidade, materialidade e autoria dos fatos imputados”.

O delegado da Polícia Federal concluiu em seu relatório que o deputado federal “agiu deliberadamente para insultar a honra do chefe de Estado, utilizando um termo depreciativo de forma intencional e premeditada”.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

“A importância de um representante do Legislativo discursar em uma cúpula internacional implica, no mínimo, um planejamento prévio sobre suas palavras, o que torna ainda mais evidente a natureza proposital da ofensa”, afirmou o delegado da PF.

Em maio, Nikolas prestou depoimento à PF e afirmou que fez as declarações exercendo a livre manifestação do seu mandato.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

O deputado disse que se tratou basicamente de uma manifestação de pensamento e, portanto, a intenção não foi ofender Lula, “apenas se manifestar dentro dos direitos garantidos por sua imunidade parlamentar”

O deputado disse ainda que não se arrepende das palavras proferidas e que defende sua imunidade parlamentar. “Que não pode se arrepender de um direito baseado na Constituição, ou seria contraditório de sua parte”, afirmou.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Escrito Por

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Destaques

Bolsa

Economia

Nesta sexta-feira (19), os comerciantes de petróleo, gás, energia, ações, moedas e títulos ao redor do mundo enfrentaram dificuldades operacionais devido a um apagão...

Brasil

A Caixa Econômica Federal paga nesta sexta-feira (19) a parcela de julho do novo Bolsa Família aos beneficiários com Número de Inscrição Social (NIS)...

INSS INSS

Economia

  A greve dos servidores do INSS entrou no quarto dia nesta sexta-feira (18). Embora o órgão afirme que a paralisação não impactou significativamente...

Últimas Notícias

A aliada do presidente Emmanuel Macron, Yaël Braun-Pivet, foi reeleita nesta quinta-feira (18) como presidente da Assembleia Nacional da França, após conquistar uma margem...

Incêndios na Amazônia Incêndios na Amazônia

Justiça

A Justiça Federal do Amazonas ordenou o bloqueio de bens no valor de R$ 292 milhões pertencentes ao pecuarista Dirceu Kruger, como medida para...

Zé do Taxão Zé do Taxão

Economia

Recentemente, o meme ‘Taxa Humana’, que satiriza o ministro da Fazenda do Brasil Fernando Haddad (PT), foi exibido na Times Square, um dos locais...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Brasil

Brasil

A crise cibernética global que afetou serviços e negócios em vários países levou as companhias aéreas brasileiras a informar os passageiros com voos agendados...

Inmet prevê geada para áreas do Rio Grande do Sul e Santa Catarina Inmet prevê geada para áreas do Rio Grande do Sul e Santa Catarina

Brasil

O tempo seco já está impactando a vida de muitas pessoas. Mas, haverá previsão de chuva para os próximos dias? Como ficará o tempo...

Mega-Sena Mega-Sena

Brasil

O sorteio do concurso 2.750 da Mega-Sena foi realizado na noite desta quinta-feira (18), em São Paulo. Nenhuma aposta acertou as seis dezenas, e...

Brasil

Na tarde desta quinta-feira (18), a Polícia Federal (PF) solicitou ao Supremo Tribunal Federal (STF) a abertura de uma nova investigação sobre o caso...

Isenção taxa inscrição Enem dos Concursos Isenção taxa inscrição Enem dos Concursos

Brasil

Os candidatos inscritos no Concurso Nacional Unificado (CNU) receberão uma folha para anotar as alternativas das provas, que poderá ser levada para casa. A...

Procurador Procurador

Brasil

O procurador da Advocacia-Geral de Minas Gerais (AGE-MG), Bruno Resende Rabello, envolvido em um episódio de agressão no início deste mês, firmou um acordo...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Facebook
X\Twetter
LinkedIn
WhatsApp
Threads
Telegram
Reddit