Foto: reprodução

Um dos fundadores do Novo e candidato pelo partido em 2018, João Amôedo, compartilhou na última quinta-feira (29), no Twitter, um artigo do advogado Eugênio Pacelli, o mesmo de Fernando Pimentel, publicado no site Jota, com o título “Em defesa do STF e dos tribunais”.

“Não podemos confundir calúnia, difamação e intimidação, feita de forma sistemática, orquestrada e profissional, inclusive com financiamento, com liberdade de expressão. É disso que se trata o inquérito em curso no STF”, escreveu Amoêdo.

Ontem, a bancada do Novo na Câmara dos Deputados pediu ao ministro do STF, Edson Fachin, para ingressar na ação da Rede que visa arquivar o inquérito ilegal das Fake News.

Siga a Gazeta Brasil no Instagram