Por unanimidade, o Senado aprovou nesta sexta-feira (20), o projeto de decreto legislativo que reconhece o estado de calamidade pública no país em razão da pandemia de coronavírus.

Pela primeira vez na história mundial, a análise e a votação de um projeto foi remota, realizada sem a presença dos senadores no plenário.

A sessão foi uma videoconferência. Dos 81 senadores, os 75 que participaram da sessão foram favoráveis ao decreto.

Siga a Gazeta Brasil no Instagram