(Andre Coelho/Bloomberg)
(Andre Coelho/Bloomberg)

Ouça essa matéria na integra

O desembargador Antônio Carlos Nascimento Amado, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ), ordenou nesta terça-feira a paralisação da investigação contra Alexandre Santini, sócio de Flávio Bolsonaro na empresa Bolsotini Chocolates e Café.

A decisão liminar não paralisa a investigação contra o filho do presidente que ainda corre no mesmo tribunal sobre a denúncia de “rachid”, que seria o repasse de salários de membros do gabinete para o então deputado estadual.