urgente

A Polícia Federal (PF) repassou ao ministro Alexandre de Moraes, do STF, a informação de que o Supremo Tribunal Federal pode ser alvo de um ataque terrorista, informa a Folha de S. Paulo.

De acordo com o jornal, o presidente da Corte, Dias Toffoli, encaminhou um ofício sigiloso aos demais membros da Corte dando conta de que “uma célula terrorista pode estar preparando ‘agressões contra ministros deste tribunal’”.

“Os supostos terroristas teriam dito, em suas comunicações, que os ministros mantêm uma rotina que facilita o contato físico e visual. Seriam, portanto, autoridades de fácil acesso a indivíduos que pretendem fazer algum ataque”, diz o jornal.

Siga a Gazeta Brasil no Instagram