Nos siga em

O QUE ESTÁ PROCURANDO

Brasil

Exército Implementa Política de ‘Moderação’ para Redes Sociais em ‘Respeito às Normas de Convivência’

O Exército emitiu um comunicado público informando que poderá enviar informações às autoridades competentes sobre comentários nas suas redes sociais que possam incitar o ódio, violência, discriminação, entre outras situações.

De acordo com o documento denominado Política de Moderação nas Redes Sociais, ao utilizar os canais mantidos pela instituição, o usuário estará ciente das regras de uso e de convivência.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

O texto também menciona que os usuários que não seguirem as normas poderão ser bloqueados imediatamente, sem necessidade de justificativa, consulta ou aviso prévio.

Segundo a política, serão moderadas e/ou excluídas as mensagens que:

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

– Utilizem linguagem inapropriada, obscena, caluniosa, grosseira, abusiva, difamatória, ofensiva ou de qualquer outra forma reprovável;
– Façam apologia a práticas ilícitas;
– Incitem o ódio, violência, racismo ou pratiquem qualquer forma de discriminação;
– Contenham ameaças, assédio, injúria, calúnia, difamação ou qualquer outro ilícito penal;
– Divulguem conteúdos na forma de spam ou “correntes”;
– Tenham caráter comercial ou publicitário;
– Sejam repetitivas, desde que publicadas pelo mesmo autor;
– Sejam ininteligíveis ou descontextualizadas;
– Contenham propaganda político-partidária;
– Manifestem opiniões políticas ou ideológicas;
– Contenham links suspeitos ou representem ameaça à segurança da informação;
– Utilizem informações e imagem de pessoas e instituições indevidamente;
– Contenham dados pessoais do autor ou de terceiros;
– Violem direitos de imagem e propriedade intelectual;
– Promovam conteúdo fraudulento ou inverídico.

O documento enfatiza que solicitações de acesso a informações, bem como reclamações e críticas, devem ser direcionadas aos canais apropriados, como a ouvidoria.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Escrito Por

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Destaques

Entretenimento

Durante o show do cantor sertanejo Gusttavo Lima na última sexta-feira (24) em Cáceres, a aproximadamente 205 km de Cuiabá, uma fã tentou subir...

Alexandre de Moraes TSE Centro Desinformação Alexandre de Moraes TSE Centro Desinformação

Mídia

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Alexandre de Moraes, fez críticas a uma matéria publicada pelo UOL que abordava a estratégia da...

Brasil

 O médico anestesista Walter José Roberte Borges, de 50 anos, natural de Linhares, no Espírito Santo, está em estado vegetativo após sofrer um infarto...

Política

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Alexandre de Moraes, rejeitou o recurso do ex-presidente Jair Bolsonaro para que a decisão que o...

Hamas lança ataque Hamas lança ataque

Mundo

As Brigadas Ezzeldin al Qassam, braço armado do grupo Hamas, anunciaram no domingo um ataque maciço com foguetes contra Tel Aviv, marcando o primeiro...

Qatar Airways Qatar Airways

Mundo

Neste domingo (26), os passageiros do voo QR107 da Qatar Airways enfrentaram momentos de tensão devido a uma forte turbulência enquanto sobrevoavam o espaço...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Brasil

Brasil

Pesquisadores da Universidade Federal do Rio Grande do Sul realizaram coleta de 92 amostras de água das enchentes na região metropolitana de Porto Alegre,...

Brasil

Um incêndio de grandes proporções atinge um prédio comercial no bairro Humaitá, na zona norte de Porto Alegre, na noite deste domingo. Os bombeiros...

São Paulo

Voluntários de uma Organização Não Governamental (ONG) foram assaltados na sexta-feira (24) enquanto retornavam do Rio Grande do Sul pela Rodovia Ayrton Senna, na...

Brasil

Na madrugada deste domingo (26), uma agência da Caixa Econômica Federal localizada em Japeri, na Baixada Fluminense, foi alvo de uma violenta explosão provocada...

São Paulo

No sábado (25), foi lembrado o Dia Internacional da Criança Desaparecida, o governo de São Paulo, por meio da Secretaria da Segurança Pública e...

Brasil

O Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS) solicitou a intervenção do Exército para assumir a entrega de doações às vítimas da enchente...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Facebook
X\Twetter
LinkedIn
WhatsApp
Threads
Telegram
Reddit