Nos siga em

O QUE ESTÁ PROCURANDO

Reprodução: Instagram

Brasil

Mulher é presa por stalkear médico, enviando 1.300 mensagens e fazendo 500 ligações em um dia

Kawara Welch foi presa no início do mês por “stalking”, prática considerada crime desde 2021. Ela se apresenta nas redes sociais como artista plástica e desenvolveu uma obsessão pelo médico, na expectativa de ter um relacionamento amoroso com ele. 

O “stalking” é a perseguição de uma pessoa, seja pessoalmente ou por outros meios, como telefonemas e mensagens. A pena varia de seis meses a dois anos de prisão.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Welch foi acusada por um médico, que preferiu não ser identificado, de persegui-lo desde 2019. Ele relata ter conhecido Welch em 2018, quando ela buscou atendimento devido a problemas de depressão. Após outros dois atendimentos, Welch começou a frequentar a clínica onde o médico trabalhava, iniciando a perseguição.

“Ela teve acesso ao meu celular e começou a enviar mensagens e fotos perturbadoras, com lençóis e cordas no pescoço, se despedindo de mim. Eu entrei em pânico”, conta o médico

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

O médico relata que Welch passou a enviar mensagens ameaçadoras. Ele decidiu parar de atendê-la, mas Welch continuou insistindo. Quando ela ia ao hospital particular durante os plantões dele, o médico solicitava que outro profissional a atendesse. Ele tentou evitar contato com Welch, mas a situação se agravou.

“Ela chegou a me enviar 1.300 mensagens em um dia e fez mais de 500 ligações em um único dia. Eu troquei de número de celular várias vezes, mas era inútil. Ela sempre encontrava meu novo número”, afirma o médico.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Welch também fez ligações insistentes para a esposa e o filho do médico. Além dos telefonemas e mensagens, a polícia encontrou montagens feitas por Welch nas redes sociais para dar a impressão de que os dois tinham um caso.

O médico afirma que Welch começou a persegui-lo nas ruas, no trabalho e em congressos de medicina. Em 2022, Welch invadiu o consultório onde uma paciente estava sendo atendida, resultando em uma troca de agressões com a esposa do médico. Um ano depois, houve outro incidente no mesmo local, com xingamentos e acusações de roubo.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

“Tinha momentos de horror, eu entrava em pânico, porque ou ela aparecia ou fazia algo inesperado”.
A polícia prendeu Welch em flagrante, mas ela foi liberada após pagar fiança de R$ 3,5 mil e passou a responder ao processo em liberdade. Em março de 2023, a Justiça determinou sua prisão preventiva por descumprir medidas cautelares. Welch ficou foragida por mais de um ano até ser presa na semana passada em uma faculdade em Uberlândia, no Triângulo Mineiro, onde estudava nutrição.

O advogado de Welch afirma que houve um envolvimento entre ela e o médico. Ele nega qualquer relacionamento com ela.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

“Nós acreditamos que não houve esse relacionamento. E, mesmo se houvesse, não justifica de forma alguma esse tipo de ação”, afirma o delegado Rafael Faria.
O psiquiatra Daniel Barros diz que a prática de stalking pode ou não estar relacionada a transtornos psíquicos. No processo, não há nenhum laudo sobre as condições mentais de Welch.

O médico e sua esposa estão em tratamento para controlar o pânico há um ano.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Escrito Por

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Destaques

Ciência e Tecnologia

O hidrogênio verde é considerado um vetor energético promissor para a descarbonização global, pois seu uso como combustível não gera dióxido de carbono. No...

Meio Ambiente

Nesta quinta-feira (20), o Programa Queimadas do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) detectou 238 focos de incêndio no Pantanal, marcando um aumento após...

Justiça

Nesta quinta-feira (20), o Sindicato dos Funcionários do Sistema Prisional do Estado de São Paulo (Sifuspesp) foi informado por e-mail sobre uma denúncia de...

Justiça

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, afirmou que a Corte tem legitimidade e autoridade popular. A fala foi feita pelo magistrado...

"Dizer que o pobre é mais burro que o rico é mentira", afirma Lula "Dizer que o pobre é mais burro que o rico é mentira", afirma Lula

Política

Na tarde desta quinta-feira (20), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou que é mentira que os pobres são “mais burros” que...

Mendonça maconha Mendonça maconha

Justiça

Os ministros Luís Roberto Barroso e André Mendonça, do Supremo Tribunal Federal (STF), se exaltaram e discutiram antes mesmo do início do julgamento sobre...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Brasil

Últimas Notícias

O elevador do Edifício Mirafiori, localizado na Rua dos Guajajaras, no Centro de Belo Horizonte, caiu na noite desta quinta-feira (20/6) devido à superlotação,...

Tensão no Xingu Tensão no Xingu

Brasil

Três indígenas Kalapalo da Aldeia Barranco Queimado, no Território Indígena do Xingu, bloquearam a passagem de brigadistas que realizavam uma atividade de queima prescrita...

Governo Lula migrantes refugiados Brasil Governo Lula migrantes refugiados Brasil

Brasil

Mais de 120 milhões de pessoas ao redor do mundo foram obrigadas a deixar suas casas devido a perseguições, conflitos, violência e violações de...

catapora catapora

São Paulo

A cidade de São Paulo está enfrentando uma escassez de vacinas para a aplicação da segunda dose contra a varicela, conforme informado pela Secretaria...

Ivo de Almeida Ivo de Almeida

São Paulo

O desembargador Ivo de Almeida, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), é alvo de uma investigação da Polícia Federal (PF) por suspeita...

carreta bois carreta bois

Brasil

Na madrugada desta quinta-feira (20), na BA-463 próxima a São Desidério, no oeste da Bahia, uma carreta carregada de bois tombou, resultando na morte...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Facebook
X\Twetter
LinkedIn
WhatsApp
Threads
Telegram
Reddit