Nos siga em

O QUE ESTÁ PROCURANDO

Foto: Reprodução/Youtube/VICE

Celebridades

Canibal japonês que nunca foi preso morre aos 73 anos

Conhecido como o “canibal japonês” ou o “canibal de Kobe”, Issei Sagawa, que comeu o corpo de uma estudante holandesa em Paris após matá-la, morreu mais de 40 anos depois do crime.

A morte dele foi confirmada nesta sexta-feira (02) por seu irmão mais novo e um amigo. Issei Sagawa morreu de pneumonia em 24 de novembro, aos 73 anos, e apenas seus parentes compareceram ao funeral, afirmaram ambos em um comunicado.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

A nota foi feita pela editora que publicou suas memórias em 2019, escritas pelo irmão de Sagawa.

O CASO

Issei Sagawa era aluno da Universidade Sorbonne, em Paris, quando, em 11 de junho de 1981, convidou a holandesa Renee Hartevelt para jantar em sua casa. No local, ele a matou com um tiro na nuca e a estuprou.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Depois, Issei Sagawa a esquartejou e comeu várias partes do corpo por 3 dias. O japonês tirou muitas fotos do crime.

Mais tarde, Sagawa tentou se desfazer dos restos mortais em duas malas. Ele as abandonadonou no parque Bois de Boulogne, nos arredores de Paris.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Alguns dias depois, Issei foi localizado e preso, graças a um apelo da polícia por ajuda de testemunhas.

“Comer essa menina foi uma expressão de amor. Queria sentir dentro de mim a existência de uma pessoa que amo”, disse Issei Sagawa após ser preso.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Especialistas em psiquiatria o consideraram doente mental e ele não foi levado a julgamento.

Issei Sagawa passou algum tempo em uma instituição na França antes de ser deportado para o Japão, onde foi libertado em agosto de 1985.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Embora as autoridades japonesas acreditassem que ele não precisava ser hospitalizado, elas nunca conseguiram recuperar os arquivos das autoridades judiciais francesas, por considerar que o caso estava encerrado.

Issei Sagawa ficou livre. Sua transferência para o Japão provocou a indignação da família da vítima, que prometeu pressionar a opinião pública para que “o assassino nunca fosse libertado”.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

O canibal não escondeu seu crime e se beneficiou de sua fama, com um livro de memórias chamado “In the Fog” (“No Nevoeiro”, em tradução livre), no qual descreveu o assassinato em detalhes.

Issei Sagawa também contou sua obsessão pelo canibalismo em várias entrevistas e em um documentário de 2017 chamado Caniba.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Escrito Por

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Destaques

Donald trump

Mundo

O ex-presidente Donald Trump revelou neste sábado (22) aos repórteres que já tomou uma decisão sobre quem será seu companheiro de chapa nas eleições...

quina são joão quina são joão

Economia

Na noite deste sábado (22), a Caixa Econômica Federal realizou o sorteio especial da Quina de São João, um concurso que não acumula e...

Violência apartheid Lewandowski Violência apartheid Lewandowski

Brasil

O Ceará vive sob o terror de uma onda de violência que já deixou 12 mortos e 9 feridos desde a madrugada da última...

Mundo

O impacto de vários projéteis russos em uma área residencial na cidade de Kharkiv, no nordeste da Ucrânia, resultou na morte de pelo menos...

Mundo

Em meio à crescente tensão na fronteira entre Israel e o Líbano, o Exército israelense informou neste sábado que atacou um posto de observação...

Bizarro

Parlamentares usam linguagem menos complexas em dias quentes. As alterações climáticas têm muitos efeitos generalizados e complicados no bem-estar das pessoas e do planeta,...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Brasil

São Paulo

Um homem de 31 anos foi preso em flagrante na manhã da última sexta-feira (21) após ser flagrado transportando mais de 100 quilos de...

São Paulo

Na sexta-feira (21), a Polícia Civil desarticulou uma operação criminosa em um condomínio de luxo na cidade de Igaratá, interior de São Paulo. Doze...

Assessor da Prefeitura de Duque de Caxias Assessor da Prefeitura de Duque de Caxias

Brasil

Michel Laeber Estevão, conhecido como Xexéu e assessor da Prefeitura de Duque de Caxias, Rio de Janeiro, foi vítima de um assassinato a tiros...

Aeroporto de Guarulhos Aeroporto de Guarulhos

São Paulo

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) suspendeu os efeitos da medida cautelar que limitava o número de voos no Aeroporto Internacional de São...

Brasil

O estudante Yoshinori Kubota Lima, 20 anos, cujo desaparecimento foi reportado desde a manhã de quarta-feira (19/6), foi encontrado sem vida pela Polícia Civil...

(Polícia Civil do Ceará) (Polícia Civil do Ceará)

Brasil

Uma onda de violência iniciada na madrugada de quinta-feira (20) em Viçosa do Ceará, a cerca de 360 km de Fortaleza, resultou na morte...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Facebook
X\Twetter
LinkedIn
WhatsApp
Threads
Telegram
Reddit