Nos siga em

O QUE ESTÁ PROCURANDO

Entretenimento

Cultura Coreana em Alta: Como os K-dramas conquistaram corações no mundo

Qual é o segredo por trás da onda dos K-dramas? Essa é uma grande questão nos dias atuais com a ascensão das series populares em todas as plataformas de mídia.

Mas uma questão ainda maior é: será que essa moda vai acabar?

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Histórias que ressoam globalmente e têm um olhar feminino estão impulsionando o sucesso, mas uma dependência de grandes somas de dinheiro pode representar riscos.

O que um devastador vírus zumbi, um advogado brilhante no espectro do autismo, o bullying no ensino médio, jogos infantis com reviravoltas mortais têm em comum? São temas subjacentes a quatro dos programas registrados na lista de mais assistidos da Netflix (não ingleses).

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Todos eles também são em coreano.

Quase um quarto de século depois que jornalistas do Beijing Youth Daily cunharam o termo ‘Onda Coreana’ (ou ‘Hallyu’), surpresos pela crescente popularidade das exportações de entretenimento sul-coreanas na China e em toda a Ásia, essa tendência explodiu globalmente.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Do Iraque à Índia, e do México ao Marrocos, os dramas coreanos cativaram audiências, gerando bilhões de dólares em investimentos para a produção de mais shows desse tipo. Alguns pesquisadores sugeriram recentemente que os K-dramas representam “um significativo contrafluxo para a cultura pop transnacional dominada pelo Ocidente”.

Nada capturou sua apelo internacional como o sucesso impressionante de Squid Game, o programa de 2021 sobre um concurso em que pessoas desesperadas por dinheiro participam. A competição envolve uma série de jogos. Aqueles que ganham cada jogo avançam para o próximo; aqueles que perdem morrem. Squid Game foi um vencedor incontestável e é a série mais assistida da Netflix, e gerou até um spin off com jogadores e jogos reais, mas sem o castigo mortal, óbviamente.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

O surgimento e ascensão de tais programas ocorrem em meio a uma onda de popularidade que a cultura coreana está experimentando de maneira mais ampla — desde a música K-pop e bandas como o BTS até filmes vencedores do Oscar como Parasite.

Mas qual é o segredo que transforma os K-dramas em sucessos estrondosos em todo o mundo? E o que o futuro reserva?

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

A resposta breve: Como um bom roteiro de K-drama, é complexa. Em grande parte, dizem os especialistas, pode se resumir simplesmente a contar histórias de alta qualidade, entregues de maneira inteligente de forma a funcionar em diferentes geografias e ressoar especialmente com as mulheres. Plataformas de streaming como a Netflix também levaram os K-dramas a audiências que talvez nunca os tivessem visto de outra forma. Mas esse modelo de crescimento tem limitações — e, a menos que a indústria criativa da Coreia do Sul seja cuidadosa, pode sufocar os próprios sonhos que está gerando.

‘O Fator X’

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Não há um “elemento de fórmula” único por trás do sucesso dos K-dramas globalmente, disse Areum Jeong, especialista em cultura popular coreana e futura professora assistente de Estudos Coreanos na Universidade Estadual do Arizona.

Em vez disso, um conjunto de fatores impulsiona essa onda. Eles incluem: “Questões socioculturais embaladas em uma história envolvente, atuação e design habilidosos, uma plataforma acessível que permite a milhões assistir e uma mensagem que ressoa com a audiência.”

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Mas tudo isso depende de um atributo ainda mais central que permite que esses programas prosperem, disse Gi-Wook Shin, diretor do Programa Coreano da Universidade Stanford — a qualidade da narrativa.

“Acho importante reconhecer que o conteúdo desses dramas é simplesmente bom”, disse Shin. “A Coreia ficou boa em contar histórias sobre temas que interessam às pessoas de maneiras que capturam a atenção dos espectadores e os mantêm envolvidos.”

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Muitos dos programas têm mensagens universais que atraem espectadores internacionais, apesar de abordarem questões específicas da cultura e sociedade coreanas.

“Por exemplo, Squid Game representa desigualdades socioeconômicas, competição por recursos, aspirações de ascensão social, dinâmicas de poder entre diferentes raças e gêneros que afetam não apenas a Coreia do Sul, mas também outras partes do mundo”, disse Jeong.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Ao implantar histórias pensativas, centradas em personagens e humanas — uma tendência que abrange tanto K-dramas quanto filmes coreanos — produtores e diretores conseguem quebrar barreiras de idioma. Parasite, que se tornou o primeiro filme não inglês a vencer o Oscar de Melhor Filme em 2020, tocou os espectadores por meio de sua narrativa afiada, focada em questões de desigualdade, pobreza e luta de classes.

“As emoções humanas nesses dramas são muito detalhadas”, disse Hyun Jung Stephany Noh, candidata a doutorado no Departamento de Rádio-Televisão-Cinema da Universidade do Texas, que se concentra na onda cultural coreana.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Ao mesmo tempo, os K-dramas oferecem um leque de temas que podem interessar a diferentes públicos coreanos e globais. Seja romance, thriller, horror, jogos mortais, aventura, comédia, ação, guerra, fantasia ou ficção científica — há um bom K-drama para agradar a todos os gostos.

“O sucesso do conteúdo cultural coreano é por diferentes motivos em lugares diferentes”, disse Shin. Pode ser uma conexão social e cultural na Índia ou na América Latina, sociedades tradicionalmente conservadoras lidando com mudanças rápidas, por exemplo. “Os K-dramas têm algumas semelhanças com Bollywood indiano ou telenovelas latino-americanas, então não é realmente surpreendente que os K-dramas tenham se tornado bem-sucedidos nesses lugares”, disse ele. “Os Estados Unidos também são cada vez mais diversos e estão determinados a valorizar culturas e experiências diversas, que os K-dramas oferecem.”

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Com o sucesso dos K-dramas na Netflix, outras plataformas como Prime Video e Starplus (Disney) estão investindo pesado. “Moving”, um k-dramna de ação lançado em 2023 pela Starplus, atraiu milhares de fãs pelo mundo, assim como “A Esposa Do Meu Marido” brilhou no ranking do Prime Video neste início de 2024. 

À medida que o público busca as séries que mais lhe agradam, os criadores de K-dramas também buscam novos temas, conforme afirmou Noh. “Ninguém sabe qual será o próximo grande sucesso. Mas eles estão sempre em busca de algo novo, sempre experimentando para criar o próximo grande show”, destacou.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Apesar da diversidade e do apelo global do conteúdo, os K-dramas se destacam de potenciais concorrentes, incluindo as novelas americanas. Em particular, os dramas românticos-comédias coreanos tornaram-se bem-sucedidos mundialmente por oferecerem um retrato único para o público feminino, capturando a vida e o amor sob uma perspectiva feminina, algo que produções de outros países, como os Estados Unidos, não conseguem igualar, segundo Shin.

Essa ênfase no público feminino é respaldada pelo fato de que a esmagadora maioria dos roteiristas na indústria de dramas coreanos são mulheres, constituindo cerca de 90% do total, em contraste com os Estados Unidos, onde apenas 27% de diretores, roteiristas, produtores e outros membros da equipe de produção de programas de televisão em redes são mulheres.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Além disso, a estética visual dos K-dramas é destacada como um diferencial, conforme apontado por Shin. Ele ressalta que essas séries são visualmente atraentes, cuidando dos detalhes estéticos de maneira que as séries americanas geralmente não fazem. O exemplo dos trajes em “Squid Game” ilustra isso, com os participantes usando uniformes verdes distintos e os guardas, em contraste, trajando macacões vermelhos e máscaras de esgrima assustadoras. Esses trajes tornaram-se tão populares que dominaram o Halloween por dois anos consecutivos desde a exibição da série.

O investimento global em K-dramas está crescendo, com empresas japonesas e chinesas liderando inicialmente, mas a Netflix emergindo como uma força dominante. A plataforma de streaming investe significativamente na indústria, comprometendo-se a aportar US$ 2,5 bilhões em conteúdo coreano nos próximos quatro anos. No entanto, essa dependência crescente da Netflix também apresenta desafios, como apontado por pesquisadores da Universidade da Coreia, que alertam para a possível monopolização dos direitos globais de transmissão pela plataforma, afetando a rentabilidade das produtoras locais.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Diante desses desafios, resta a questão: será que a onda coreana atingirá o pico e depois declinará? A história já testemunhou períodos de ascensão e queda, mas a resiliência da indústria, que se recuperou de múltiplos contratempos econômicos e geopolíticos, sugere que o impacto global dos K-dramas ainda está longe de se esgotar. Contudo, desafios como a dependência crescente da Netflix e a necessidade de maior diversidade e inclusão no conteúdo sugerem que a indústria deve se adaptar para manter seu sucesso global. O mundo está observando, literalmente.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Escrito Por

Destaques

Últimas Notícias

O repórter investigativo Afonso Monaco, conhecido por seu trabalho na TV Record, nos programas Domingo Espetacular e Câmera Record, morreu aos 79 anos na...

Últimas Notícias

O presidente da Argentina, Javier Milei, surpreendeu ao anunciar nesta sexta-feira (12) o término de seu relacionamento com a atriz Fátima Floreza, em uma...

Últimas Notícias

O Ministério Público de São Paulo (MP-SP) deu início à segunda fase da investigação sobre a suposta infiltração do Primeiro Comando da Capital (PCC)...

Gleisi Hoffmann Gleisi Hoffmann

Últimas Notícias

Em uma declaração feita durante sua visita à China, a presidente do Partido dos Trabalhadores (PT) e deputada federal, Gleisi Hoffmann, enfatizou o modelo...

Mundo

A Polícia australiana informou neste sábado(13) que pelo menos seis pessoas perderam a vida e várias outras ficaram feridas em um ataque a faca...

Moraes Moraes

Últimas Notícias

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes, foi aprovado nesta sexta-feira para o cargo de professor titular na Faculdade de Direito da...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Brasil

Últimas Notícias

Mais de 400 kg de cocaína foram apreendidos em uma operação policial realizada na sexta-feira (12) na comunidade de Paraisópolis, zona sul de São...

Últimas Notícias

Os proprietários de veículos com placa final 3 têm até segunda-feira (15) para efetuar o pagamento da quarta parcela do IPVA 2024. Os contribuintes...

Últimas Notícias

Na noite de sexta-feira (12), o ex-mestre de bateria da escola de samba Renascer de Jacarepaguá, Paulo Silva Vieira de Araújo, conhecido como Mestre...

Brasil

Na manhã desta sexta-feira (12/4), a Polícia Civil e a Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público e Social (Prodep) do Ministério Público...

Brasil

Uma investigação recente, conhecida como Operação Fim da Linha, foi conduzida contra duas empresas responsáveis pela operação de linhas de ônibus em áreas específicas...

Brasil

No ano passado, conforme o Relatório de Informações Penais da Secretaria Nacional de Políticas Penais (Senappen), registrou-se um total de mais de 15 mil...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Facebook
X\Twetter
LinkedIn
WhatsApp
Threads
Telegram
Reddit