Nos siga em

O QUE ESTÁ PROCURANDO

Harvard
(Divulgação)

Mundo

Universidade de Harvard retira livro encadernado em pele humana de sua coleção

A Universidade de Harvard anunciou que retirou um livro encadernado em pele humana de sua coleção, desencadeando uma revisão das práticas éticas no manejo de restos humanos. Este livro do século XIX, intitulado “Des Destinées de l’Ame” (Destinos da Alma), foi descoberto em 2014 revestido com a pele de uma mulher que faleceu no mesmo século. A universidade afirmou que essa decisão vem após refletir sobre “os falhas cometidas no passado” que comprometeram “a dignidade humana”.

O Dr. Ludovic Bouland, que foi o proprietário original do livro, usou a pele de uma paciente mentalmente doente que faleceu de um ataque cardíaco no hospital onde trabalhava, justificando sua decisão sob a premissa de que “um livro sobre a alma humana merecia ter uma capa humana”. Harvard colabora atualmente com as autoridades francesas para determinar o destino final desses restos humanos de maneira respeitosa.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

A polêmica decisão foi tomada seguindo as recomendações do “Relatório do Comitê Diretivo da Universidade de Harvard sobre Restos Humanos em Coleções de Museus Universitários”, publicado no outono de 2022. Este relatório marcou um ponto de inflexão na forma como a instituição lida com peças de origem moralmente complexa. “A Biblioteca de Harvard e o Comitê de Devoluções de Coleções do Museu de Harvard concluíram que os restos humanos usados na encadernação do livro não pertencem mais às coleções da Biblioteca de Harvard”, afirmaram em comunicado, destacando a importância de reconsiderar a dignidade humana em suas coleções.

Até o momento, o acesso ao livro estava permitido para qualquer interessado, independentemente do propósito da consulta. Essa política mudou drasticamente após a análise científica realizada em 2014, que confirmou o uso de pele humana na encadernação. Essa revelação levou até à divulgação de postagens no blog da Biblioteca Houghton em um tom “sensacionalista, mórbido e humorístico”, reconhecido agora, gestos que a biblioteca lamenta profundamente. “Pedimos desculpas às pessoas prejudicadas por essas ações”, expressaram desde Harvard, mostrando uma mudança em sua atitude em relação à responsabilidade histórica e ética.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Em 2022, Harvard publicou um relatório identificando mais de 20.000 restos humanos em suas coleções, que incluem desde esqueletos até dentes, cabelos e fragmentos de ossos. Esse achado destaca a necessidade de uma revisão profunda na gestão de coleções que contêm restos humanos.

A bibliopegia antropodérmica, prática de encadernar livros em pele humana, costumava ser relativamente comum. Harvard descreveu essa prática em uma postagem de blog de 2014, marcando um antes e um depois na forma como o público e a própria instituição contemplavam a ética em torno desses objetos.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Escrito Por

Destaques

Últimas Notícias

O embate entre o bilionário sul-africano Elon Musk, proprietário da antiga plataforma de mídia social “X” (ex-Twitter), e o Supremo Tribunal Federal (STF) do...

Últimas Notícias

Em entrevista à CNN nesta segunda-feira, o governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas, deixou claro que não tolerará invasões de terras pelo Movimento...

mauro vieira mauro vieira

Últimas Notícias

O ministro das Relações Exteriores, Mauro Vieira, posicionou-se em defesa da nota emitida pelo Itamaraty em resposta ao ataque do Irã a Israel, afirmando...

OAB saidinha OAB saidinha

Últimas Notícias

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) declarou apoio à decisão do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) de vetar um trecho da...

barco pará barco pará

Destaques

Uma embarcação com corpos foi descoberta no sábado (13) por pescadores no litoral do Pará. Segundo o capitão dos Portos da Amazônia Oriental, Ewerton...

Últimas Notícias

A apresentadora Silvia Popovic foi vítima de um assalto na tarde de domingo (14), na região central de São Paulo. Em um vídeo publicado...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Brasil

Brasil

Atualmente, há registros de paralisações em várias instituições de ensino superior e técnico do Brasil. Ao menos 48 universidades, 71 institutos federais e um...

Brasil

A cantora sertaneja Lígia Fernanda Gonçalves, também conhecida como Nanda Ferraz, de 34 anos, faleceu em um acidente de carro na Rodovia Vicinal Luiz...

Brasil

Uma mulher de 38 anos morreu afogada ontem, dia 14, na piscina de Machácara, em Limeira, no interior de São Paulo, enquanto participava da...

Últimas Notícias

Por Arthur Virgílio Prezado colega Celso Amorim.CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO Li sua declaração, afirmando que o Irã dos aiatolás eunucos e misóginos “fez...

Brasil

Seis indivíduos foram detidos em flagrante no domingo (14), suspeitos de tentativa de fraude durante a realização de um concurso público em Vargem Grande...

Brasil

As intensas chuvas que afetam diversas regiões do Maranhão estão exacerbando o fenômeno das voçorocas em Buriticupu, localizada a cerca de 400 km de...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Facebook
X\Twetter
LinkedIn
WhatsApp
Threads
Telegram
Reddit