Nos siga em

O QUE ESTÁ PROCURANDO

Saúde

Chikungunya: Novas descobertas revelam sua ameaça silenciosa ao cérebro

O chikungunya é uma doença infecciosa transmitida aos seres humanos por mosquitos infectados com o vírus. Os insetos envolvidos na transmissão são o Aedes aegypti e o Aedes albopictus, conforme indicado pela Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS). Vale lembrar que esses mosquitos também propagam o dengue.

Na Argentina, os dados do Boletim Epidemiológico Nacional emitido pelo Ministério da Saúde indicam que, da semana 31 de 2023 (fins de julho e início de agosto) até a semana 13 de 2024 (fins de março), “foram registrados na Argentina 362 casos de febre Chikungunya, dos quais: 236 não tinham histórico de viagem, 32 foram importados e 94 estão sob investigação”.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

“Da semana 49 (início de dezembro) até a semana 52 (fim de dezembro) de 2023, houve um aumento no número de casos, com uma média de 8 casos por semana, e a partir da SE 1/2024, houve um novo aumento, com uma média de 25 casos por semana entre a primeira e a semana 12”, detalha o documento.

Com relação ao vírus responsável por essa doença, um estudo publicado na revista Cell Host & Microbe revelou seus mecanismos de ação, destacando sua capacidade de se propagar através do sangue e penetrar em múltiplos órgãos, incluindo o sistema nervoso central. Esse achado, realizado por uma equipe de pesquisadores brasileiros, americanos e britânicos, apresenta novas perspectivas sobre a doença e a necessidade de atualizar os protocolos de tratamento e vigilância, de acordo com os autores.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

As descobertas, resultado da colaboração entre as universidades estaduais de Campinas (Unicamp), Kentucky e São Paulo, bem como o Imperial College London e o Laboratório Central de Saúde Pública do Ceará (Lacen), representam um avanço significativo na compreensão dessa doença viral.

O estudo analisou dados de 32 pacientes que faleceram devido ao vírus chikungunya, utilizando uma variedade de técnicas que vão desde testes laboratoriais até análises histopatológicas e genômicas. Foram examinadas amostras de soro sanguíneo, líquido cefalorraquidiano e tecidos de órgãos como cérebro, coração, fígado, baço e rins. Além disso, esses resultados foram comparados com amostras de sobreviventes da infecção aguda e doadores de sangue saudáveis, com o objetivo de estabelecer padrões e diferenças significativas na progressão da doença.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Um dos achados mais importantes do estudo foi a presença do vírus chikungunya em amostras de líquido cefalorraquidiano, indicando sua capacidade de atravessar a barreira hematoencefálica, uma barreira protetora que normalmente impede a entrada de patógenos no sistema nervoso central.

Esse fenômeno intrigante revela a sofisticada capacidade desse vírus de driblar as defesas do corpo humano e se espalhar para áreas críticas, como o cérebro. Os pesquisadores identificaram dois mecanismos principais pelos quais o vírus alcança essa invasão: a infecção de monocitos (um tipo de glóbulo branco) específicos e a alteração de proteínas-chave na estrutura da barreira hematoencefálica.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

“Isto demonstra que o chikungunya, além de ser responsável pela artralgia (dor nas articulações), que provoca febre, dor muscular e inchaço nas articulações, também causa danos neurológicos”, explicou William Marciel de Souza, professor da Universidade de Kentucky e primeiro autor do estudo, em um comunicado.

E ele acrescentou: “No sangue, observamos uma mudança severa na cascata de coagulação, com redução de algumas proteínas-chave, bem como danos hemodinâmicos nos órgãos, ou seja, excesso de líquido. No sistema imunológico, os níveis de citocinas associadas à inflamação foram mais altos do que os observados em pacientes com chikungunya que sobreviveram”.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Para de Souza, a insuficiência cardíaca e as condições neurológicas não estão tradicionalmente associadas à doença, mas em uma fração da população afetada por esse vírus, isso pode ocorrer e deixar sequelas ou até mesmo levar à morte.

O estudo enfatiza a importância de entender os mecanismos biológicos subjacentes das doenças para desenvolver tratamentos eficazes e estratégias de manejo clínico adequadas. Essas descobertas não apenas fornecem informações cruciais sobre o vírus chikungunya, mas também têm implicações mais amplas para a pesquisa e o tratamento de outras doenças virais que afetam o sistema nervoso central. A identificação de biomarcadores específicos e a compreensão das vias de propagação do vírus podem abrir caminho para terapias mais direcionadas e eficazes no futuro, conforme enfatizado.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Embora este estudo forneça uma compreensão mais profunda da biologia do vírus chikungunya, ainda há perguntas a serem respondidas e desafios a serem superados. Os pesquisadores, como afirmaram, estão trabalhando na identificação de possíveis alvos terapêuticos e biomarcadores preditivos que possam melhorar o diagnóstico e o tratamento da doença. Além disso, são necessários estudos adicionais para avaliar a eficácia de intervenções farmacológicas e estratégias de prevenção.

“Com mais de 10 milhões de casos registrados em cerca de 125 países nos últimos 20 anos, 2 milhões dos quais apenas no Brasil, onde é endêmico há mais de uma década, a doença causada pelo vírus chikungunya ainda é erroneamente considerada menos mortal do que o dengue”, destacaram os autores no comunicado.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Escrito Por

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Destaques

rodrigo faro

Televisão

Em uma ação coordenada pela Polícia Metropolitana de Nápoles, sob a supervisão do Ministério Público de Nápoles Norte, a operação “Carioca” desvendou uma intricada...

São Paulo

Uma família de Santos (SP) vive momentos de apreensão após suspeitar de contaminação por leptospirose ao consumir um refrigerante de 2 litros contaminado com...

Brasil

Mais de 20 dias após as devastadoras enchentes que atingiram o Rio Grande do Sul, o prefeito de São Leopoldo, Ary Vanazzi, retornou à...

Negócios

A Gol deu o pontapé inicial para sua recuperação judicial nesta segunda-feira (27), revelando um Plano Financeiro de 5 Anos ambicioso. O objetivo? Retornar...

Entretenimento

A ex-jornalista da Globo, Flávia Jannuzzi, compartilhou detalhes sobre sua saída da emissora em 2023. Segundo ela, a discordância em relação à linha editorial...

Qatar Airways Qatar Airways

Mundo

Dez pessoas ficaram feridas quando um avião da Qatar Airways, que voava de Doha para Dublin no domingo, enfrentou turbulência, informaram as autoridades aeroportuárias....

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Brasil

Renegociação dívidas Fies

Brasil

O prazo limite para requerer condições especiais de renegociação do Desenrola Fies encerra-se na próxima sexta-feira, dia 31. O programa, sob a tutela do...

Polícia Federal incinera 5,8 toneladas de drogas em Ponta Porã Polícia Federal incinera 5,8 toneladas de drogas em Ponta Porã

Brasil

Na manhã desta segunda-feira (27), a Polícia Federal (PF) realizou a incineração de mais de 5.800 kg de entorpecentes, incluindo cocaína e maconha. O...

São Paulo

Dois homens com aspirações políticas em Guarujá, no litoral de São Paulo, foram brutalmente assassinados em um intervalo de apenas cinco meses. Thiago Rodrigues,...

Adolescente de 16 anos está entre criadores de vaquinhas falsas de ajuda ao Rio Grande do Sul; golpe movimentou mais de R$ 2 milhões por dia Adolescente de 16 anos está entre criadores de vaquinhas falsas de ajuda ao Rio Grande do Sul; golpe movimentou mais de R$ 2 milhões por dia

Brasil

Um adolescente de 16 anos emancipado é suspeito de integrar um grupo criminoso envolvido no desvio de doações destinadas a vítimas de enchentes no...

Motoristas de Aplicativo Motoristas de Aplicativo

Brasil

Em uma escalada de criminalidade nas ruas da Zona Norte do Rio de Janeiro, criminosos estão aplicando um novo método de extorsão: cobram taxas...

Brasil

Na próxima quarta-feira (29), 21.681 famílias do Rio Grande do Sul atingidas pelas intensas chuvas serão beneficiadas com pagamentos do programa Bolsa Família. A...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Facebook
X\Twetter
LinkedIn
WhatsApp
Threads
Telegram
Reddit