segunda-feira, 19 de abril de 2021

Advogado-Geral da União (AGU), José Levi confirma saída do cargo

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 1

Nesta segunda-feira (29), o advogado-geral da União, José Levi, entregou ao presidente Jair Bolsonaro uma carta de demissão. Ex-integrante do Ministério da Economia e indicado por Paulo Guedes, ele é o 3º a perder o cargo nas mudanças que Jair Bolsonaro está promovendo na Esplanada.

Segundo duas fontes do Palácio do Planalto, um dos motivos para saída foi a ADI assinada por Bolsonaro, sem representação da Advocacia-Geral da União (AGU), para que o Supremo Tribunal Federal (STF) suspendesse os lockdowns impostos por governadores e prefeitos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 2

José Levi Mello do Amaral assumiu nomeado em 28 de abril do ano passado, durante a dança das cadeiras iniciada pelo pedido de demissão do ex-juiz Sergio Moro, então ministro da Justiça. Sem Moro, Mendonça foi para a Justiça e abriu a vaga para José Levi.

Antes de ser advogado-geral, José Levi foi procurador-geral da Fazenda Nacional. A sua indicação para o posto foi atribuída na época ao ministro da Economia, Paulo Guedes.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 3

Bolsonaro decidiu fazer uma reforma ministerial nesta segunda e os bastidores do Palácio do Planalto estão intensos. 

O primeiro a deixar o cargo foi Ernesto Araújo, do Ministério de Relações Exteriores, seguido pelo Ministro da Defesa Fernando Azevedo. Nos bastidores, a terceira mudança é esperada também para hoje.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 4

 Veja a nota de José Levi Mello:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 5
Gazeta Brasil
Gazeta Brasilhttps://www.gazetabrasil.com.br
A Gazeta Brasil é um jornal brasileiro diário editado na cidade de São Paulo. Publica textos, fotos, vídeos no formato digital. Faz parte do grupo AZComm Comunicação e Eventos.
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Últimos artigos