Nos siga em

O QUE ESTÁ PROCURANDO

PGR STF Gleisi Hoffmann
Foto: Divulgação/Câmara dos Deputados

Política

Gleisi diz que é “estarrecedor” Bolsonaro convocar ato em defesa do estado democrático de direito: ‘Chefe terrorista’

Nesta quinta-feira (15), a presidente do Partido dos Trabalhadores (PT), Gleisi Hoffmann (PR), disse ser “estarrecedor” que o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) queira convocar um ato em defesa da democracia.

De acordo com a petista, ele “nunca respeitou” e tentou “abolir” o regime democrática em uma suposta tentativa “fracassada” de golpe de Estado.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Bolsonaro convidou seus apoiadores para uma manifestação às 15h na Avenida Paulista, em São Paulo, para se defender de “todas as acusações” que têm sofrido nos últimos meses.

Confira a declaração completa da presidente do PT:

“É estarrecedor ver Bolsonaro convocar um ato “em defesa do estado democrático de direito” que ele nunca respeitou e tentou abolir em sua fracassada tentativa de golpe! E é chocante ver a mídia normalizar esse chamado e o próprio ato, tratando como coisa normal. Sem conotação crítica.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Direito de defesa deve ser garantido a todos; e Bolsonaro terá oportunidade de exercê-lo, em condições que foram negadas a outros na história recente. Mas não há nada de normal quando a democracia e liberdade de expressão são invocadas pela boca de quem quis destruí-las, de quem atentou contra esse mesmo Estado Democrático de Direito que agora invoca.

Vamos lembrar quem é Bolsonaro:

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

. Sempre defendeu a ditadura, a tortura e os torturadores;

. Seu primeiro ato na presidência extinguiu os mecanismos de participação social nas políticas públicas;

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

. Seus primeiros decretos visaram a armar, municiar e incentivar bandos fascistas e de milicianos;

. Montou um gabinete do ódio no Planalto para disseminar mentiras e ameaças contra todo e qualquer adversário;

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

. Montou uma Abin Paralela para espionar adversários e até ministros de Tribunais Superiores;

. Usou o Sete de Setembro para ameaçar as instituições e ofender ministros do Supremo;

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

. Ameaçou fechar o STF (“basta um cabo e um soldado”, na voz de um de seus filhos e cúmplices);

. Convocou desfile de tropas em Brasília para intimidar a Câmara no dia da votação do projeto do voto impresso;

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

. Tentou desacreditar o sistema eleitoral, inclusive diante do corpo diplomático, atacando a urna eletrônica;

. Faltando três meses para as eleições presidenciais, com pesquisas prevendo sua derrota, reuniu o ministério para cobrar ação contra o adversário, a Justiça Eleitoral e o STF;

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

. Na mesma reunião, tratou de espionagem de campanhas, “virada de mesa” e medidas para impedir a eleição de Lula;

. Derrotado nas urnas, não reconheceu a vitória do adversário nem a legitimidade do processo eleitoral; tentou de todas as formas encontrar fraudes inexistentes;

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

. Incentivou ocupações de rodovias e acampamentos diante de quartéis, financiados clandestinamente e tolerados por comandantes militares; de onde partiram a baderna de 12 de dezembro, dia da diplomação de Lula, e o atentado a bomba contra o aeroporto de Brasília na véspera do Natal;

. Preparou um decreto ilegal de estado de sítio, prevendo a prisão do presidente do TSE, que manteve sob monitoramento clandestino, e a anulação das eleições;

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

. Conspirou com chefes militares e comandantes de tropas especiais na preparação de um golpe para impedir a posse de Lula e manter-se no poder;

. Fugiu do país, levando joias roubadas ao patrimônio público, e assistiu de camarote os atentados de 8 de janeiro, financiados organizados por seus apoiadores civis e militares.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

É esse chefe terrorista que agora invoca, em seu exclusivo benefício, o estado de direito e a liberdade de expressão e manifestação que tentou, reiteradas vezes, destruir. É esse fascista que agora quer vestir o manto da democracia para mais uma vez atacá-la.

Esse ato na Paulista não será, certamente, para que ele se defenda dos crimes que praticou, e nem pode ser visto como liberdade de expressão. É mais uma tentativa de se contrapor ao devido processo legal, já que as provas contra ele e sua turma não param de aparecer. Será para seguir ameaçando as instituições e os adversários, que ele trata de inimigos. Será para mentir ainda mais sobre suas próprias mentiras.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Nem Bolsonaro nem sua absurda convocação podem ser normalizados pela cobertura da mídia, sob o risco de normalizar a mentira, o desrespeito à lei e às instituições, a barbárie. Não há legitimidade nesse ato. Ele é contra a Constituição! O Brasil superou recentemente uma tentativa de golpe e sabemos bem o risco que corremos. Não podemos flertar com o perigo”.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Escrito Por

Destaques

Destaques

Um homem de 30 anos morreu na manhã deste domingo (14) após ser atacado por seu próprio cachorro da raça pitbull no bairro Jardim...

Hezbollah Hezbollah

Mundo

Em meio à crescente tensão regional após o ataque iraniano de sábado contra Israel, o grupo terrorista Hezbollah lançou uma série de foguetes contra...

Brasil

A Polícia Federal (PF) iniciou uma investigação para identificar as pessoas encontradas mortas em um barco à deriva por pescadores no nordeste paraense neste...

Política

O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) decidiu cancelar uma conversa agendada para este sábado (13) com o empresário e magnata Elon Musk, dono da empresa...

Mundo

Em meio à escalada de tensões no Oriente Médio, o Ministério da Defesa persa advertiu que qualquer país que permitir o uso de seu...

Últimas Notícias

O Exército israelense confirmou neste sábado o lançamento de “dezenas de drones” do Irã em direção a Israel, mas alertou que levará “várias horas”...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Brasil

Brasil

A pedagoga Fábia Cristina Santos e seu marido Wander José de Jesus desapareceram em 9 de março, após terem sido vistos pela última vez...

Brasil

Durante um intervalo de dez horas no sábado (13), quatro indivíduos perderam suas vidas devido a afogamentos no litoral do estado de São Paulo....

Brasil

Nos últimos dias, tem havido críticas nas redes sociais direcionadas a influenciadores digitais que promovem empresas que oferecem serviços de assessoria para a solicitação...

mega-sena mega-sena

Brasil

Nenhuma aposta acertou as seis dezenas do Concurso 2.712 da Mega-Sena, sorteadas neste sábado (13). Pela sétima vez seguida, o prêmio acumulou. Os números...

Brasil

No Brasil, há uma mobilização significativa por parte dos servidores da educação em universidades e institutos federais, com o objetivo de obter reajustes salariais,...

Últimas Notícias

Pescadores fizeram uma descoberta macabra na manhã deste sábado (13) nas proximidades da Ilha de Canelas, no município de Bragança (PA). Um barco à...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Facebook
X\Twetter
LinkedIn
WhatsApp
Threads
Telegram
Reddit