Nos siga em

O QUE ESTÁ PROCURANDO

Brasil

Ex-prefeito do PT é alvo de operação por suspeita de corrupção na compra de respiradores na pandemia

Paulo César Ladeira (PT), ex-prefeito de Carmo, na Região Serrana do Rio de Janeiro, é alvo de uma operação do Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) e da Polícia Civil do RJ, deflagrada nesta sexta-feira (10). A Operação Éolo investiga suspeita de superfaturamento na compra de respiradores durante a pandemia de Covid-19.

Até o momento, cinco pessoas foram presas e duas estão sendo procuradas. Entre os presos está Rui Tomé de Souza Aguiar, que na época da compra era assessor da Presidência da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) e hoje está lotado no gabinete do deputado estadual Andrezinho Ceciliano (PT). Os demais presos são Alex Sachi da Silva, Jubert Silva Cardoso, Nielsei Souza de Melo e Thiago Cardoso de Castro.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Inicialmente, o MPRJ havia informado que Ladeira também havia sido preso, mas depois corrigiu a informação e disse que o mandado contra ele era de busca e apreensão.

Ladeira foi preso por pelo menos duas vezes em 2021, por supostas fraudes em contratos para a limpeza urbana em Carmo. Em duas fases da Operação Chorume, da qual a Éolo é um desdobramento, agentes apreenderam R$ 130 mil enterrados em tubos de PVC no sítio do ex-prefeito. Segundo a polícia, o valor era oriundo de propina paga pela empresa que fazia a coleta de lixo na cidade.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Os mandados de prisão e busca e apreensão desta sexta-feira foram expedidos pela 1ª Vara Criminal Especializada da Capital e cumpridos em endereços no Recreio dos Bandeirantes, Barra de Guaratiba, Mangaratiba, São João de Meriti, Nilópolis, Mesquita, Laje do Muriaé e Carmo.

Conforme as investigações do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco/MPRJ) na Operação Éolo, Ladeira adquiriu, em 2020, nove respiradores da empresa Sheridan Rio Comércio e Serviços, utilizando recursos da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj). O MPRJ identificou sobrepreço e constatou que apenas quatro dos nove aparelhos funcionavam. A Sheridan, cuja principal atividade é a limpeza em prédios e domicílios, possui atividades secundárias que incluem a construção de rodovias, agência de viagens, produção musical e teatral, comércio de equipamentos hospitalares e fabricação de meias.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

O Gaeco/MPRJ apresentou denúncia à Justiça contra 14 pessoas pelos crimes de corrupção ativa e passiva, peculato, contratação direta ilegal, fraude nos contratos de licitação e lavagem de dinheiro.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Escrito Por

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Destaques

Donald trump

Mundo

O ex-presidente Donald Trump revelou neste sábado (22) aos repórteres que já tomou uma decisão sobre quem será seu companheiro de chapa nas eleições...

quina são joão quina são joão

Economia

Na noite deste sábado (22), a Caixa Econômica Federal realizou o sorteio especial da Quina de São João, um concurso que não acumula e...

Violência apartheid Lewandowski Violência apartheid Lewandowski

Brasil

O Ceará vive sob o terror de uma onda de violência que já deixou 12 mortos e 9 feridos desde a madrugada da última...

Mundo

O impacto de vários projéteis russos em uma área residencial na cidade de Kharkiv, no nordeste da Ucrânia, resultou na morte de pelo menos...

Mundo

Em meio à crescente tensão na fronteira entre Israel e o Líbano, o Exército israelense informou neste sábado que atacou um posto de observação...

Bizarro

Parlamentares usam linguagem menos complexas em dias quentes. As alterações climáticas têm muitos efeitos generalizados e complicados no bem-estar das pessoas e do planeta,...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Brasil

São Paulo

Um homem de 31 anos foi preso em flagrante na manhã da última sexta-feira (21) após ser flagrado transportando mais de 100 quilos de...

São Paulo

Na sexta-feira (21), a Polícia Civil desarticulou uma operação criminosa em um condomínio de luxo na cidade de Igaratá, interior de São Paulo. Doze...

Assessor da Prefeitura de Duque de Caxias Assessor da Prefeitura de Duque de Caxias

Brasil

Michel Laeber Estevão, conhecido como Xexéu e assessor da Prefeitura de Duque de Caxias, Rio de Janeiro, foi vítima de um assassinato a tiros...

Aeroporto de Guarulhos Aeroporto de Guarulhos

São Paulo

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) suspendeu os efeitos da medida cautelar que limitava o número de voos no Aeroporto Internacional de São...

Brasil

O estudante Yoshinori Kubota Lima, 20 anos, cujo desaparecimento foi reportado desde a manhã de quarta-feira (19/6), foi encontrado sem vida pela Polícia Civil...

(Polícia Civil do Ceará) (Polícia Civil do Ceará)

Brasil

Uma onda de violência iniciada na madrugada de quinta-feira (20) em Viçosa do Ceará, a cerca de 360 km de Fortaleza, resultou na morte...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Facebook
X\Twetter
LinkedIn
WhatsApp
Threads
Telegram
Reddit