Nos siga em

O QUE ESTÁ PROCURANDO

Foto: Gustavo Moreno/SCO/STF

Justiça

Lei das Estatais: STF tem cinco votos para restringir indicações políticas em estatais

O Supremo Tribunal Federal (STF) chegou, nesta quarta-feira (8), ao placar de 5 votos a 2 para validar a constitucionalidade da Lei das Estatais, norma aprovada em 2016 para proibir indicações de políticos para a diretoria de estatais Apesar do placar formado, ainda não há maioria de votos para declarar a constitucionalidade da lei. O julgamento será retomado na sessão desta quinta-feira (9). 

A Corte decide se referenda a liminar proferida em março do ano passado pelo ex-ministro Ricardo Lewandowski.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Antes de se aposentar e deixar a Corte, Lewandowski atendeu ao pedido de liminar do PCdoB e suspendeu o trecho da norma que impedia ministros de Estado e secretários estaduais e municipais de atuar nas diretorias e nos conselhos de administração de estatais.

Pela liminar, continuou proibida a indicação de pessoas que ainda participam da estrutura decisória de partidos ou que têm trabalho vinculado às legendas e campanhas políticas. Contudo, se o interessado deixar a função partidária, poderá ser nomeado para o cargo. O período de 36 meses de quarentena para ingresso nas empresas públicas também foi suspenso pelo ministro. 

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Se a maioria dos ministros concluir pela validade de lei, as restrições para indicações de políticos às estatais deverão ser retomadas. 

Pelos votos já encaminhados, políticos que entraram em cargos de estatais durante a vigência da liminar de Lewandowski, que flexibilizou a norma, poderão permanecer nos cargos. Contudo, a decisão final será proferida somente amanhã.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Durante a sessão, o ministro Flavio Dino criticou a “demonização da política” para barrar indicações políticas para estatais. Ele seguiu o entendimento de Lewandowski. “É falsa a ideia de que qualquer indicação técnica resultará no padrão mais alto de probidade do que em uma indicação política. Este tribunal se defrontou com graves casos de corrupção na Petrobras. Dezenas de agentes ímprobos eram servidores do quadro”, afirmou.

Alexandre de Moraes votou pela validade da lei disse que a criação da norma objetivou manter princípios e regras de gestão e fiscalização que são adotadas internacionalmente. Para o ministro, o Congresso pode estabelecer requisitos legais para o comando de estatais. “Se você quer ser indicado para o conselho de administração e é ministro do Estado, você faz uma opção. Eu deixo de ser ministro de Estado e vou para conselho da Petrobras, por exemplo”, exemplificou.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

O mesmo entendimento foi seguido pelos ministros Dias Toffoli, André Mendonça, Nunes Marques e Luís Roberto Barroso.

*Com informações de Agência Brasil

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Escrito Por

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Destaques

Destaques

Desvendando os segredos do câncer: Mais de 5.000 variantes genéticas dotadas de superpoderes para o mal, são identificadas Em um marco crucial na luta...

Vítor Vieira Belarmino Vítor Vieira Belarmino

Brasil

Nesta segunda-feira (15/7), o Disque Denúncia divulgou um cartaz solicitando informações para auxiliar na localização de Vitor Vieira Belarmino, influenciador digital de 30 anos....

Mundo

Segundo informações do Wall Street Journal, Elon Musk está planejando doar aproximadamente US$ 45 milhões por mês para um novo grupo político que apoia...

Celebridades

A influenciadora Gabriela Sousa, esposa do ex-BBB Nego Di, de 30 anos, se manifestou pela primeira vez após a prisão do humorista neste domingo...

OUÇA: Em reunião, Bolsonaro diz que Witzel prometeu resolver caso das supostas 'rachadinhas' de Flavio em troca de vaga no STF OUÇA: Em reunião, Bolsonaro diz que Witzel prometeu resolver caso das supostas 'rachadinhas' de Flavio em troca de vaga no STF

Política

Em reunião que foi gravada sem ele saber, o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou para advogadas do senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ) que o ex-governador...

Destaques

O republicano JD Vance passou de escritor das memórias “Hillbilly Elegy” a senador nos EUA e aspirante a vice-presidente. Uma relação começou a surgir...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Brasil

Tarcísio

São Paulo

O governador Tarcísio de Freitas (Republicanos) oficializou a demissão do tenente-coronel da Polícia Militar Rogério Carbonari Calderari, conhecido como “Las Vegas” por sua envolvimento...

Brasil

A Polícia Civil prendeu dois integrantes de uma quadrilha de aproximadamente 20 criminosos que invadiam condomínios de luxo em São Paulo. Luis Salvador Nascimento...

Brasil

O ex-chefe da Polícia Civil do Rio de Janeiro, Rivaldo Barbosa, prestou depoimento ao Conselho de Ética da Câmara nesta segunda-feira (15) negando qualquer...

Brasil

Na manhã desta segunda-feira (15), agentes da Polícia Federal e da Receita Federal efetuaram a prisão de um homem enquanto ele retirava um fuzil...

Brasil

O que era para ser um dia de festa na vaquejada de Juazeiro do Norte terminou em caos e deixou várias pessoas feridas. Na...

Brasil

Os governos do Brasil e da Itália renovaram um acordo, anteriormente suspenso, para o reconhecimento recíproco de carteiras de habilitação. O anúncio era aguardado...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Facebook
X\Twetter
LinkedIn
WhatsApp
Threads
Telegram
Reddit