CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

De acordo com um levantamento feito pela Quaest, Instituto de pesquisa e consultoria,  Eduardo Bolsonaro é o filho mais popular do presidente Jair Bolsonaro nas redes sociais, sendo seguido por seu irmão Carlos que ocupou o segundo lugar no ranking, sendo conhecido como bom pelo seu desempenho e liderança do clã nas redes. O relatório feito pela Quaest  analisou a popularidade nas redes do presidente e de seus filhos políticos, Flávio, Eduardo e Carlos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Ainda segundo o levantamento, todos os três filhos possuem um desempenho muito parecido nas redes, pois, mesmo com as diferenças no uso, eles conseguem alcançar um engajamento de público em comum. Já em relação ao presidente, Bolsonaro tem aumentado desde março o dobro da popularidade do deputado, senador e do vereador,  sempre mantendo um desempenho maior e mais estável sobretudo a partir de junho.

Para fazer o relatório de popularidade digital dos membros da família Bolsonaro, a Quaest analisou e juntou uma série de métricas de uso do Facebook, Instagram, Twitter e Youtube, bem como dados de buscadores (Google Search e do Youtube) e de acessos da Wikipedia de março a agosto, todos processados por meio de um algoritmo de inteligência artificial que os agrega em seis dimensões: Presença Digital, Fama, Engajamento, Mobilização, Valência e Interesse

Em outra pesquisa feita a pedido do Sonar, a Quaest avaliou as curtidas da família Bolsonaro e concluiu que, apesar de ter um período menor analisado, Eduardo curtiu muito mais publicações do que os irmãos e o pai: foram poucos mais de 3 mil apenas nos últimos meses. Enquanto isso, desde 2019, Carlos curtiu 2 mil, Bolsonaro curtiu 1,3 mil e Flávio 1,1 mil.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE