Nos siga em

O QUE ESTÁ PROCURANDO

Lula aborto
Foto: Divulgação/Sesa

Política

Secretário da Saúde de Lula defende aborto legal no SUS

Em entrevista ao site G1, o secretário de Atenção Primária à Saúde do Governo de Luiz Inácio Lula da Silva, Nésio Fernandes defendeu o “aborto legal” no SUS. O médico afirmou também que revogará documentos com posições “retrógradas” e “ultrapassadas”.

“Eu sou uma pessoa evangélica. No entanto, sei diferenciar o que é uma agenda de saúde pública e uma agenda da fé de cada um. Negar o acesso ao aborto nas condições previstas em lei é submeter essas vítimas de violência a outras violências. […] Toda e qualquer produção de nota técnica, portaria ou instrumento normativo que existir no Ministério da Saúde legitimando posições retrógradas e que não garantem direitos serão revogadas, sem dúvida alguma”, afirmou Nésio.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

O secretário afirmou também que elevar as coberturas vacinais no país é uma das prioridades da nova gestão. 

“O grau de hesitação vacinal que está presente hoje na população não tem paralelo na história recente do país. Grupos antivacina foram acolhidos pelo governo federal. Grande parte da população acabou seguindo essas teses legitimadas pela instituição, pelo Ministério da Saúde”, disse o médico.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Nésio também falou sobre retomar o Mais Médicos com brasileiros e estrangeiros:

“É possível adotar uma estratégia única de provimento de médicos unificando o Médicos pelo Brasil e o programa Mais Médicos. Vamos retomar um grande movimento para garantir médicos em todos os municípios brasileiros. […] Entre os estrangeiros, podem ser cubanos que ficaram no Brasil ou médicos de qualquer país do mundo que entrem nos critérios da legislação que permitem a participação no Mais Médicos” .

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Escrito Por

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Destaques

Últimas Notícias

No domingo, o presidente do Irã, Ebrahim Raisi, e várias autoridades estavam a bordo de um helicóptero que fez uma “aterrissagem forçada” na região...

Brasil

 A noite deste domingo (19) foi marcada por mais tensão em Porto Alegre, que ainda luta contra os efeitos das enchentes que assolam o...

Netflix, “Ashley Madison Netflix, “Ashley Madison

Entretenimento

A plataforma de namoro para casados, Ashley Madison, sofreu um ataque cibernético massivo em 2015, que revelou os dados pessoais de 32 milhões de...

roque sbt roque sbt

Televisão

Gonçalo Roque, conhecido por sua longa trajetória como assistente de palco nos programas de Silvio Santos, foi hospitalizado neste sábado (18) após desmaiar durante...

Brasil

Um homem que vivia em um caminhão às margens do Guaíba, em Porto Alegre, foi assassinado a tiros na noite deste sábado (18). O...

Vídeos

Apesar das condições climáticas adversas, equipes de resgate iranianas se deslocaram para a fronteira com o Azerbaijão em busca do presidente iraniano, Ebrahim Raisi,...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Brasil

São Paulo

Um homem de 74 anos foi preso pela Polícia Militar por embriaguez ao volante após causar um acidente de trânsito na Rodovia Oswaldo Cruz...

Sem categoria

Dois homens, de 30 e 34 anos, foram detidos neste domingo (19) após furtarem doações destinadas às vítimas das enchentes no Rio Grande do...

iphone de argila iphone de argila

Brasil

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) aceitou a denúncia contra o influenciador e MC Daniel Augusto Bicalho Ferreira de Souza, suspeito de...

Brasil

A advogada e estudante de Psicologia Anic de Almeida Peixoto Herdy, de 55 anos, está desaparecida desde 29 de fevereiro deste ano. Da última...

bombas sabesp bombas sabesp

Brasil

Bombas de água enviadas pela Companhia de Saneamento Básico de São Paulo (Sabesp) entraram em operação neste domingo (19), no bairro Sarandi, na Zona...

PF abre inquérito para investigar Pablo Marçal, Eduardo Bolsonaro, Cleitinho, jornalistas e perfis nas redes sociais por supostas "fake news" sobre o Rio Grande do Sul PF abre inquérito para investigar Pablo Marçal, Eduardo Bolsonaro, Cleitinho, jornalistas e perfis nas redes sociais por supostas "fake news" sobre o Rio Grande do Sul

Brasil

O número de mortos devido às fortes chuvas que atingiram o Rio Grande do Sul aumentou para 157. A informação está no boletim da...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Facebook
X\Twetter
LinkedIn
WhatsApp
Threads
Telegram
Reddit