Nos siga em

O QUE ESTÁ PROCURANDO

Pacheco Estado de exceção prisão de autoridades
Foto: Roque de Sá/Agência Senado

Últimas Notícias

Sessão do Congresso Nacional é cancelada devido à falta de consenso sobre vetos

A sessão do Congresso Nacional destinada à análise dos vetos do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) a propostas aprovadas pelo Legislativo foi cancelada devido à ausência de acordo entre os líderes partidários. Inicialmente agendada para esta quarta-feira (24), a sessão tinha em sua pauta itens como os vetos relacionados ao projeto que estabelece restrições às saídas temporárias de presos e aquele que impede o empenho de R$ 5,6 bilhões em emendas parlamentares.

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), ao anunciar o cancelamento da sessão, declarou que “não houve consenso mínimo” sobre as matérias. A próxima sessão está programada para ocorrer entre os dias 7 e 9 de maio, conforme informado por Pacheco.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Este é o terceiro adiamento da sessão do Congresso neste ano. No total, 32 vetos a projetos do Congresso Nacional, assinados tanto pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) quanto pelo presidente Lula, aguardam análise.

Impasse entre o Governo e o Congresso
A sessão foi inicialmente marcada para um horário posterior ao habitual na tentativa de facilitar um acordo entre o governo e o Congresso. Uma das negociações envolvia a possibilidade de o Senado aprovar um projeto para a retomada do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais por Veículos Automotores Terrestres (o antigo DPVAT). Entretanto, a votação da matéria foi adiada na Casa Alta devido à ausência de relatório da Comissão de Constituição e Justiça.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

O governo tem enfatizado a necessidade de aprovação do projeto do DPVAT, argumentando que os recursos são cruciais para financiar a liberação de emendas parlamentares, estimando um espaço de R$ 15 bilhões em crédito.

Anteriormente, o governo indicou a possibilidade de uma derrubada parcial do veto das emendas na LOA (Lei Orçamentária Anual), liberando R$ 3,6 bilhões dos R$ 5,6 bilhões vetados.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Veto às “saidinhas” de presos e gratuidade no despacho de bagagens
“Saidinhas” de presos

O governo também busca manter o veto a um trecho da lei que restringe as saídas temporárias de presos do regime semiaberto em datas comemorativas, como Natal, Dia das Mães e Dia das Crianças. Com o veto, Lula permitiu as chamadas “saidinhas” para que os presos visitem suas famílias, medida que gerou reações da bancada de parlamentares ligados à segurança pública.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

A saída temporária é um benefício previsto no artigo 122 da Lei de Execuções Penais e aplicava-se à maioria dos condenados em regime semiaberto que tivessem cumprido pelo menos um quarto da pena.

A tentativa de endurecer a lei tramita no Legislativo há mais de uma década, ganhando destaque após o assassinato do sargento da Polícia Militar de Minas Gerais Roger Dias por um presidiário que descumpriu o prazo do benefício.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Despacho gratuito de bagagens

O governo Lula busca manter o veto presidencial do governo Bolsonaro que impede o despacho gratuito de bagagens em viagens aéreas. A gratuidade no despacho de bagagens foi vetada por Bolsonaro em junho de 2022, quando o Congresso aprovou uma lei flexibilizando as normas do setor aéreo, e um dos artigos proibia as companhias aéreas de cobrar taxas pelo despacho de malas.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

O governo argumentou que a gratuidade ia contra o interesse público e que, na prática, resultaria em um aumento nos preços das passagens aéreas.

Os limites de peso das bagagens variavam conforme o trajeto, com até 23 quilos em voos nacionais e 30 quilos em voos internacionais. Desde 2017, as companhias aéreas têm permissão para cobrar pelo despacho de malas, justificando que isso ajudaria a reduzir os preços das passagens, o que não ocorreu.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

PL da taxação dos fundos offshore

Outro veto a ser analisado refere-se a um trecho da lei de taxação dos fundos offshore, conhecido como “PL dos super-ricos”. Lula vetou a parte do texto que definia bolsas de valores e mercados de balcão como “aqueles que operam como sistemas centralizados multilaterais de negociação”. O governo justificou que essa definição deixaria de regular outros participantes que operam com sistemas bilaterais de negociação. Lula decidiu vetar o trecho da lei especificamente relacionado à definição de bolsa de valores para efeitos de investimentos mínimos em fundos de investimento em ações, afirmando que o texto aprovado pelo Congresso “restringe excessivamente a definição”, já que contempla apenas os sistemas centralizados multilaterais de negociação, excluindo os sistemas centralizados bilaterais de negociação.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Escrito Por

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Destaques

Mundo

Um meteoro cruzou o céu de Portugal na noite deste sábado (18), causando um clarão impressionante que foi registrado por diversas pessoas em diferentes...

Benny Gantz Benny Gantz

Mundo

O número dois do Gabinete de Guerra israelense, Benny Gantz, deu um ultimato ao primeiro-ministro Benjamin Netanyahu neste sábado, exigindo a aprovação de um...

Lamborghini faria lima Lamborghini faria lima

São Paulo

Na tarde deste sábado (18), um motorista de uma Lamborghini perseguiu um motociclista que havia roubado seu relógio Rolex na Avenida Faria Lima, em...

Tony Ramos Tony Ramos

Celebridades

O ator Tony Ramos teve alta da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Samaritano Botafogo neste sábado (18) e foi transferido para a...

Rivaldo Barbosa Rivaldo Barbosa

Destaques

Na sexta-feira (17), o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), recusou o pedido de liberdade feito pela defesa e optou por...

golpe do pix golpe do pix

Brasil

A Justiça do Rio Grande do Sul bloqueou 18 perfis falsos nas redes sociais que se passavam por autoridades ou entidades idôneas para desviar...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Brasil

Brasil

Em uma operação de resgate humanitário, a Defesa Civil do Amazonas repatriou neste sábado (18) 60 amazonenses que estavam desabrigados no Rio Grande do...

Brasil

Um acidente envolvendo dois veículos resultou na morte do cantor e compositor Guilherme Leon, de 32 anos, na madrugada deste sábado, 18, na Rodovia...

Menina estupro coletivo Recife Menina estupro coletivo Recife

Brasil

Na sexta-feira (17), a Polícia Civil , por meio da 70ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), prendeu na cidade de Juruá, Amazonas, um idoso...

Brasil

A Força Aérea Brasileira (FAB) realizou neste sábado (18) o “Voo do Melhor Amigo”, uma missão que transportou 20 toneladas de ração para auxiliar...

Mega-Sena Mega-Sena

Brasil

Na noite deste sábado (18), ocorreu o sorteio do concurso 2.726 da Mega-Sena, realizado em São Paulo. O prêmio totaliza R$ 30 milhões para...

São Paulo

A Polícia Civil fechou, na sexta-feira (17), uma fábrica clandestina de produção e comercialização de azeites na Estrada Hondo Japão, em Jacareí, no interior...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Facebook
X\Twetter
LinkedIn
WhatsApp
Threads
Telegram
Reddit