Nos siga em

O QUE ESTÁ PROCURANDO

© Tomaz Silva/Agência Brasil

Economia

Veto de Lula à desoneração pode aumentar tarifa de ônibus em R$ 0,31, diz associação

O veto do presidente Luiz Inácio Lula da Silva à continuidade da desoneração da folha de pagamento deve gerar um aumento de 6,78% nos custos do setor de transporte coletivo por ônibus urbano.

Como consequência, a Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos (NTU) estima que o reajuste médio das tarifas para o passageiro seja de até R$ 0,31. Atualmente, o valor médio da tarifa nacional está em torno de R$ 4,60, o que significa que ela pode ultrapassar R$ 4,91.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Diante dessa situação, o setor de transportes urbanos faz um apelo ao Congresso Nacional, buscando a revisão do veto presidencial e a manutenção da desoneração. O veto foi anunciado na noite de quinta-feira (23) e publicado no Diário Oficial da União (DOU) na madrugada desta sexta-feira (24).

Eis a íntegra declaração:

A Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos – NTU lamenta o veto integral do Projeto de Lei nº 334/2023, que assegura a continuidade, até 2027, da desoneração da folha de pagamento dos 17 segmentos da economia que mais empregam no país. A entidade alerta para o impacto da medida, que deve gerar um aumento de 6,78% nos custos totais do serviço, levando, como consequência, a um reajuste médio das tarifas para o passageiro de até R$ 0,31. Atualmente, o valor médio da tarifa nacional está em torno de R$ 4,60 e, portanto, pode ultrapassar R$ 4,91 em função do veto.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

A reoneração vai impactar diretamente na vida dos passageiros dos ônibus urbanos, que realizam 35 milhões de viagens diariamente em todo o Brasil. Mas terá também um efeito negativo para toda a sociedade, já que o aumento das tarifas terá impacto direto sobre a inflação, fazendo o IPCA subir pelo menos 0,2%. Com isso, o índice acumulado nos últimos 12 meses, que foi de 4,82%, passaria para 5,02%. A medida vai, portanto, na contramão dos esforços do próprio Governo Federal, que luta para controlar a inflação.

Diante dos fatos, o setor faz um apelo ao Congresso Nacional para que o veto do Executivo seja revisto e a desoneração, mantida.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

A desoneração da folha do setor de transporte público por ônibus urbano, que vem sendo aplicada desde 2013, substitui a contribuição previdenciária patronal, que corresponde a 20% sobre a folha de salários dos trabalhadores, por uma alíquota de 2% sobre o faturamento bruto das operadoras de transporte coletivo. Como resultado, há uma redução de 6,78% nos custos totais do serviço, já que a mão de obra é o principal item de custo da operação. A redução do custo foi repassada para as tarifas públicas ao longo da última década e impactou positivamente no bolso dos passageiros, situação que pode ser revertida se o veto não for derrubado.

 

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Escrito Por

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Destaques

Mundo

Mais de uma centena de residentes de Gaza morreram e outros 700 ficaram feridos em um caótico incidente durante a distribuição de alimentos e...

uspeitos de matar PM e filha em S uspeitos de matar PM e filha em S

São Paulo

A Polícia Civil de São Paulo identificou os três suspeitos de envolvimento nas mortes do policial militar Anderson de Oliveira Valentim, de 46 anos,...

Capa

A Avenida Paulista, em São Paulo, foi tomada por milhares de apoiadores de Jair Bolsonaro (PL) neste domingo (25) em um ato em defesa...

Brasil

A Secretaria da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) do Rio Grande do Norte está oferecendo uma recompensa de R$ 15 mil por...

Últimas Notícias

Novos dados divulgados  pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta sexta-feira, 23, apontam um crescimento significativo no número de pessoas vivendo em...

Brasil

Apesar do progresso nas últimas décadas, o Brasil ainda enfrenta um desafio significativo no quesito saneamento básico: mais de 1,2 milhão de pessoas (0,6%...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Brasil

Casal Braiscompany

Últimas Notícias

A Polícia Federal (PF) confirmou a prisão de Antônio Inácio da Silva Neto, conhecido como Antônio Ais, e sua esposa, Fabrícia Farias, na Argentina...

Brasil

A caçada aos dois criminosos que fugiram da Penitenciária Federal de Mossoró (RN) no dia 14 de fevereiro ganhou novos capítulos nesta quinta-feira (29)....

Brasil

Nesta quinta-feira (29), dois homens foram presos na Baixada Fluminense sob a suspeita de terem assassinado o ator Edson Caldas Barboza, desaparecido desde o...

Brasil

As cheias recordes do Rio Acre atingiram 80% da cidade de Brasiléia, a cerca de 230 km da capital Rio Branco, e podem ter...

Brasil

O miliciano conhecido como “Pet” foi preso na tarde desta quinta-feira (29) no Rio de Janeiro (RJ). Peterson Luiz de Almeida era comparsa do...

Tarcísio Tarcísio

Últimas Notícias

O consórcio C2 Mobilidade Sobre Trilhos, liderado pela Comporte, holding brasileira ligada à família Constantino, fundadora da Gol, venceu o leilão para a construção...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO