Nos siga em

O QUE ESTÁ PROCURANDO

Economia

Silveira indica suporte à distribuição completa de dividendos em 2024

O ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, declarou seu apoio à proposta de que a Petrobras distribua 100% dos dividendos extraordinários neste ano, indicando uma mudança de postura em relação ao tema, o qual foi central no embate resultando na demissão de Jean Paul Prates do cargo de presidente da estatal.

A Petrobras ainda aguarda a aprovação para o pagamento do restante dos dividendos.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Silveira também informou a seus aliados que está tudo pronto para que Magda Chambriard assuma a presidência da estatal nesta sexta-feira (24), sinalizando para uma aprovação possível de seu nome pelo conselho de administração.

O Ministério da Fazenda anunciou nesta quinta-feira (23) que já incorporou em suas projeções para 2024 a distribuição de 100% dos dividendos extraordinários da Petrobras, o que representa um rendimento aproximado de R$ 14 bilhões para o governo, dado que a União detém a maior parte das ações da empresa.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Em abril, a assembleia de acionistas da Petrobras aprovou a distribuição de 50% dos dividendos, totalizando R$ 21,9 bilhões, dos quais R$ 6,3 bilhões seriam destinados ao governo federal.

A outra metade dos dividendos permanece retida em uma conta de reserva de remuneração da estatal, com tempo indefinido para distribuição.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Até o momento, a assembleia da Petrobras apenas concordou em “avaliar ao longo do exercício a viabilidade de distribuição a título de dividendos intermediários, até 31 de dezembro de 2024, dos 50% remanescentes ora destinados à reserva de remuneração do capital”, sem um compromisso expresso de distribuição.

No entanto, segundo fontes próximas a Silveira ouvidas pela TV Globo e publicado pelo portal g1, os R$ 6,3 bilhões restantes devem ser aprovados ainda neste ano, à medida que a estatal confirme sua capacidade de realizar investimentos mesmo após repassar dividendos para o governo.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Uma justificativa apresentada por aliados do ministro de Minas e Energia é uma reavaliação das finanças da empresa em relação ao plano de investimentos, considerando que projetos programados para este ano não foram iniciados durante a gestão de Prates.

A disputa em torno dos dividendos da Petrobras dividiu a área econômica e a ala política do governo.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, defendeu a distribuição total dos dividendos, enquanto a Casa Civil e o Ministério de Minas e Energia preferiram reter esses recursos no caixa da estatal.

Esse impasse contribuiu para o desgaste do então presidente da Petrobras, Jean Paul Prates, que se absteve da primeira votação sobre o tema, na qual o Conselho de Administração da Petrobras, sob orientação do Planalto, votou por maioria pela retenção dos recursos. Posteriormente, Haddad obteve o apoio do governo para a distribuição parcial dos dividendos, aprovada no final de abril.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Escrito Por

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Destaques

Mundo

O mundo está à beira de uma catástrofe, disse o Secretário-Geral da ONU, António Guterres, na sexta-feira, apontando os riscos de um potencial conflito...

Mundo

Três pessoas morreram e 10 ficaram feridas em um tiroteio em um supermercado em Fordyce, no Arkansas (EUA). A informação foi dada pela Polícia...

Brasil

Professores de ao menos 25 universidades federais encerraram a greve iniciada em meados de abril, de acordo com apuração da Agência Brasil. O prazo...

Alexandre de Moraes Alexandre de Moraes

Justiça

Nesta sexta-feira (21), o congressista republicano Chris Smith enviou uma carta ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, exigindo esclarecimentos sobre...

Juscelino Filho - Polícia Federal indicia ministro de Lula por corrupção, lavagem de dinheiro e organização criminosa Juscelino Filho - Polícia Federal indicia ministro de Lula por corrupção, lavagem de dinheiro e organização criminosa

Política

Nesta sexta-feira (21), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou que está “feliz” com a atuação do ministro das Comunicações, Juscelino Filho...

Política

A deputada federal Sâmia Bomfim (PSol-SP) apresentou dois projetos de lei para dificultar a possibilidade de médicos e outros profissionais de saúde se recusarem a...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Brasil

Brasil

O Ministério de Portos e Aeroportos anunciou nesta sexta-feira (21) que o Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre, será parcialmente reaberto na primeira...

Brasil

Na cidade de Teresina, a polícia efetuou a prisão de um comerciante e seu irmão sob a acusação de liderarem um grupo criminoso envolvido...

Brasil

A Prefeitura de São Paulo e o Governo Estadual têm instalado grades na Rua dos Protestantes, no centro da cidade, conhecida como Cracolândia, para...

São Paulo

Uma mulher de 46 anos foi presa em flagrante na quinta-feira (20) transportando 25 kg de crack na Rodovia Anhanguera, em Americana, no interior...

São Paulo

A Polícia Civil deflagrou uma grande operação contra roubos e furtos de veículos entre os dias 19 e 20 de junho, no litoral de...

Parque Nacional do Itatiaia Parque Nacional do Itatiaia

Brasil

O Ministério Público Federal (MPF) recebeu ao longo desta semana vinte representações sobre o incêndio no Parque Nacional do Itatiaia (PNI), iniciado na sexta-feira,...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Facebook
X\Twetter
LinkedIn
WhatsApp
Threads
Telegram
Reddit