Nos siga em

O QUE ESTÁ PROCURANDO

Gilmar Mendes
Foto: Fellipe Sampaio/SCO/STF

Justiça

Gilmar Mendes libera R$ 163 milhões da empreiteira Queiroz Galvão

Em decisão tomada na segunda-feira (29), o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, derrubou parte de uma ação de improbidade contra a empreiteira Queiroz Galvão.

Com a decisão, Gilmar Mendes liberou um precatório da empresa, no valor de R$ 163,5 milhões, bloqueado desde 2015 pela Justiça Federal.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

O ministros do STF considerou irregular a apresentação, pela Lava Jato, de ação de improbidade na esfera cível contra a Queiroz Galvão e o deputado Dudu da Fonte (PP-PE), por suposto pagamento de propina em troca de atrapalhar a CPI da Petrobras, em 2009.

3 meses antes, a Segunda Turma do STF havia rejeitado uma denúncia criminal contra o parlamentar, baseada nos mesmos fatos. Gilmar Mendes também já havia ordenado anteriormente o encerramento da ação contra o deputado pernambucano.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Quanto ao bloqueio do precatório da Queiroz Galvão, o decano da Corte criticou o fato de ter sido Moro, enquanto juiz, o responsável por orientar os procuradores da Lava Jato a buscarem o bloqueio do dinheiro por meio de uma ação cível.

O precatório tem origem em serviços prestados pela empreiteira ao governo de Alagoas, nos anos 1990.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Gilmar Mendes classifica o ex-juiz da Lava Jato Sergio Moro como “exótico personagem da Lava Jato que, seguidas vezes, ultrapassou barreiras e borrou os limites da imparcialidade judicial, articulou esforços, junto ao Ministério Público, para contornar ilegalidades presentes na decisão que sequestrou ativos da reclamante”.

Em outro trecho da decisão, o ministro do STF afirma que o caso da Queiroz Galvão evidencia um “retrato sem filtro” do que chama de “consórcio espúrio formado entre membros do Ministério Público e o ex-Juiz Sérgio Moro”, descrito pelo ministro como “uma prática indecorosa que golpeou os pilares da democracia brasileira, manejando instrumentos de persecução penal para perseguir inimigos e deslegitimar os partidos políticos representados no Congresso Nacional”.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Escrito Por

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Destaques

uspeitos de matar PM e filha em S

São Paulo

A Polícia Civil de São Paulo identificou os três suspeitos de envolvimento nas mortes do policial militar Anderson de Oliveira Valentim, de 46 anos,...

Capa

A Avenida Paulista, em São Paulo, foi tomada por milhares de apoiadores de Jair Bolsonaro (PL) neste domingo (25) em um ato em defesa...

Brasil

A Secretaria da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) do Rio Grande do Norte está oferecendo uma recompensa de R$ 15 mil por...

Últimas Notícias

Novos dados divulgados  pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta sexta-feira, 23, apontam um crescimento significativo no número de pessoas vivendo em...

Brasil

Apesar do progresso nas últimas décadas, o Brasil ainda enfrenta um desafio significativo no quesito saneamento básico: mais de 1,2 milhão de pessoas (0,6%...

Ciência e Tecnologia

Um módulo espacial americano não tripulado pousou com sucesso na Lua na quinta-feira (22), marcando a primeira vez que uma nave espacial dos EUA...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Brasil

Últimas Notícias

Empresário Allan Barros, conhecido nas redes sociais como Allan Deivid de Barros, foi preso em Curitiba durante a Operação Fast da Polícia Federal, que...

São Paulo

Uma ação rápida da Polícia Militar resultou na recuperação de 1,5 tonelada de alimentos roubados em Carapicuíba na manhã desta quarta-feira (28). A carga,...

Brasil

Edilson Barbosa dos Santos, conhecido como Orelha, foi preso nesta quarta-feira (28) em Santa Cruz da Serra, Duque de Caxias, pela Polícia Federal e...

Brasil

Um membro do Comando Vermelho (CV) que estava foragido da Justiça conseguiu enganar as autoridades mesmo após sua prisão. Levi dos Santos da Silva,...

Brasil

 Yasmin dos Santos Oliveira, de apenas 5 anos, morreu após cair de uma van escolar em movimento em Ipirá, na Bahia na tarde de...

Alexandre Nardoni Alexandre Nardoni

São Paulo

Condenado a mais de 30 anos de prisão pela morte da filha Isabella, Alexandre Nardoni pode sair da prisão a partir de abril para...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO