Nos siga em

O QUE ESTÁ PROCURANDO

Naufrágio na costa do Iêmen deixa 49 mortos e 150 desaparecidos
Foto: Criador de Imagens Bing/Meramente ilustrativa

Mundo

Naufrágio na costa do Iêmen deixa 49 mortos e 150 desaparecidos

Um barco que transportava migrantes afundou-se na costa do Iêmen, deixando pelo menos 49 mortos e 140 desaparecidos. O barco de migrantes transportava cerca de 260 pessoas, a maioria da Somália e da Etiópia que faziam uma viagem de cerca de 320 quilómetros (200 milhas) e afundou no Golfo de Áden quando afundou na segunda-feira (10).

A informação foi divulgada pela Organização Internacional para as Migrações da ONU na tarde desta terça-feira (11).

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Entre os mortos estavam 31 mulheres e 6 crianças. O Iêmen é uma das principais rotas para migrantes africanos que tentam chegar aos países do Golfo Pérsico para trabalhar.

Apesar de quase uma década de guerra civil no Iêmen, o número anual de migrantes aumentou três vezes entre 2021 e 2023, passando de aproximadamente 27 mil para mais de 90 mil, conforme informou a OIM no mês passado. Atualmente, cerca de 380 mil migrantes estão no Iêmen.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

De acordo com a ONU, todos os anos, dezenas de milhares de migrantes da região do Chifre da África, que tentam fugir dos conflitos, dos desastres naturais e da pobreza, arriscam as vidas em viagens pelo Mar Vermelho para tentar chegar aos países do Golfo.

2 embarcações naufragaram na costa do Djibuti e dezenas de pessoas morreram em abril. Em 2023, a OIM registrou pelo menos 698 mortes nesta rota migratória.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Os migrantes que conseguem atravessar o Mar Vermelho e chegar ao Iêmen enfrentam inúmeros desafios adicionais, já que este é o país mais pobre da península arábica e tem sido palco de uma guerra civil há quase uma década.

O objetivo desses migrantes é alcançar países mais ricos, como Arábia Saudita ou Emirados Árabes Unidos, onde buscam trabalho no setor de construção ou como empregados domésticos.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Em agosto, a Human Rights Watch acusou os guardas de fronteira sauditas de serem responsáveis pela morte de “centenas” de migrantes etíopes que tentaram entrar no reino a partir do Iêmen entre março de 2022 e junho de 2023. Riad contestou o relatório da ONG, afirmando que as conclusões não se baseavam em fontes confiáveis.

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Escrito Por

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Destaques

elon musk

Negócios

O CEO da Tesla e SpaceX, Elon Musk, alega ter sido “enganado” para consentir que seu filho tomasse bloqueadores pubertários. Ele acrescentou acreditar que...

Fim da isenção de compras internacionais abaixo de US$ 50 pela Câmara pode criar imposto de 92% Fim da isenção de compras internacionais abaixo de US$ 50 pela Câmara pode criar imposto de 92%

Economia

Com a recente sanção do presidente Lula, a nova taxa de 20% sobre compras internacionais de até US$ 50 começará a valer a partir...

lula e indígenas lula e indígenas

Brasil

O número de assassinatos de indígenas no Brasil aumentou significativamente no primeiro ano do governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT). De acordo...

recuperação judicial dinheiro economia recuperação judicial dinheiro economia

Governo

A equipe econômica anunciou, nesta segunda-feira (22), o congelamento de R$ 15 bilhões no Orçamento de 2024. A decisão foi formalizada no Relatório de...

Saúde

Entre as 39,9 milhões de pessoas vivendo com HIV/Aids no mundo, cerca de 9,3 milhões não têm acesso ao tratamento adequado. Essa lacuna no...

granada granada

São Paulo

Na tarde desta segunda-feira (22), uma granada foi encontrada em um abrigo localizado no bairro do Bom Retiro, no centro de São Paulo (SP)....

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO

Brasil

Brasil

Nesta segunda-feira (22), um homem viralizou nas redes sociais ao tentar flagrar sua namorada traindo-o em um motel localizado em Madureira, Rio de Janeiro....

Brasil

Anderson Bonetti, sócio do humorista e influenciador Nego Di, foi preso nesta segunda-feira (22) sob acusação de ser o mentor de um esquema fraudulento...

bebê bebê

São Paulo

Um bebê foi encontrado abandonado dentro do banheiro feminino da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Baeta Neves, em São Bernardo do Campo,...

Brasil

Na tarde desta segunda-feira (22), a influenciadora digital Carla Gabola, conhecida por seu trabalho no universo dos concursos, morreu após complicações decorrentes de uma...

ex-Panicat Ana Paula Leme ex-Panicat Ana Paula Leme

Destaques

Um vídeo que está circulando nas redes sociais mostra o momento em que a ex-Panicat Ana Paula Leme agride um policial militar durante uma...

Últimas Notícias

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Aloizio Mercadante, declarou nesta segunda-feira (22) que o Brasil “sente saudade” de Dilma...

CONTINUE LENDO APÓS O ANÚNCIO
Facebook
X\Twetter
LinkedIn
WhatsApp
Threads
Telegram
Reddit