Foto: Agência Brasil

Ouça essa matéria na integra

O presidente nacional do PSL, Luciano Bivar, afirmou que a declaração de Jair Bolsonaro sobre o partido foi “terminal” e que o presidente “já está afastado” da legenda. A declaração foi dada em entrevista à Andreia Sadi.

“A fala dele foi terminal, ele já está afastado. Não disse para esquecer o partido? Está esquecido.”

“O que pretendemos é viabilizar o país. Não vai alterar nada se Bolsonaro sair, seguiremos apoiando medidas fundamentais. A declaração de ontem foi terminal, ele disse que está afastado. Não estamos em grêmio estudantil. Ele pode levar tudo do partido, só não pode levar a dignidade, o sentimento liberal que temos e o compromisso com o combate à corrupção”, finaliza.