Foto: Divulgação/Twitter

Ouça essa matéria na integra

Um homem foi detido no fim de semana, em Três Corações (MG),  acusado de planejar um novo ataque ao presidente Jair Bolsonaro (Aliança Pelo Brasil). Segundo a Polícia Federal, o ataque seria realizado durante evento de formatura de sargentos do Exército.

Venicio Souza Rodrigues Ferreira publicou nas redes sociais vídeo dizendo que estava bolando um plano para “acertar ele”, em referência a Bolsonaro.

O homem foi identificado por agentes de inteligência, preso e depois liberado. Ontem, a PF cumpriu mandado de busca em sua casa, apreendendo celulares, computadores e mídias.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, o autor Pedro Venicio Souza Rodrigues Ferreira, de 25 anos, foi abordado por alguma pessoa, pois havia publicado em rede social, Instagram, vídeos e fotos realizados por ele, que comprometiam a segurança nacional e ameaça ainda com o feito, frustar a Solenidade. Só que diante da abordagem, retirou-se do local. 

Em vídeo, Venicio demostrou que: ”Estaria analisando toda a situação, toda a área, para poder bolar seu plano que, na hora em que o Presidente chegasse ao referido batalhão, iria acertar ele.”