Ouça essa matéria na integra

O presidente Jair Bolsonaro (Aliança Pelo Brasil) se reuniu na tarde desta quarta-feira (22) com secretários de Segurança de diversos estados para ouvir sugestões voltadas à redução da criminalidade no país.

“Se for criado, aí o Moro fica na Justiça. É o que era inicialmente. Tanto é que, quando ele foi convidado, não existia ainda essa modulação de fundir (a Justiça) com o Ministério da Segurança.”

Entre os pedidos está a recriação do Ministério da Segurança Pública –o que, em tese, tiraria poder de Sergio Moro, que incorporou a pasta ao seu Ministério da Justiça desde o início do governo Bolsonaro.

Bolsonaro destacou que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), já indicou ser favorável à recriação da pasta. “O Rodrigo Maia é favorável à criação da Segurança. Acredito que a Comissão de Segurança Pública (da Câmara) também seja favorável. Temos que ver como se comporta esse setor da sociedade para melhor decidir”, declarou o presidente.