Foto: Agência Brasil

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, criticou nesta sexta-feira (14), o governador do Distrito Federal (DF), Ibaneis Rocha, que pediu a transferência de ‘Marcola’ e outros líderes do PCC detidos na Penitenciária Federal de Brasília, informa o Globo

De acordo com Moro, “não existe nenhum risco que possa justificar qualquer temor da população”.

“Até se lamenta que esse tema seja trazido tantas vezes pelo governador, gerando a percepção equivocada de que haja alguma insegurança. Não penso que é a atitude mais responsável”, disse o ministro.

E finalizou:

“A única pessoa que tem reclamado sobre essa permanência [dos detentos] é o governador do Distrito Federal, a meu ver mais por razões políticas do que por razões concretas. Não vi nenhuma reverberação dessa reclamação na sociedade do Distrito Federal”.

Siga a Gazeta Brasil no Instagram