terça-feira, 20 de abril de 2021

Belo Horizonte tem nova manifestação contra lockdown

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 1

Impedidos de abrir as portas desde o dia 11 de janeiro, comerciantes de Belo Horizonte se reuniram em frente à Prefeitura da capital nesta segunda-feira (18) para exigir a volta das atividades na cidade.

O prefeito Alexandre Kalil (PSD) decretou um novo lockdown em BH apesar da reação negativa de parte da população e do crescente índice de desemprego desde o início da pandemia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 2

A manifestação contou com o apoio e a presença do deputado estadual Bruno Engler (PRTB). Engler defendeu a reabertura imediata do comércio e criticou a conduta do atual prefeito.

“Belo Horizonte recebeu muito dinheiro do governo federal e nós queremos que esse dinheiro seja aplicado com o combate à pandemia e na área da saúde e não para ficar fazendo publicidade da prefeitura. Ano passado foram mais de 40 milhões gastos em publicidade. A gente não precisa que o nosso dinheiro seja gasto em propaganda para o prefeito que já está fazendo campanha para governador”, disse o parlamentar com o microfone em mãos em frente à PBH.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 3

Ao anunciar as novas restrições, Kalil disse que “não teve alternativa”.

Eu peço desculpas [pelo novo lockdown], mas não tive alternativa. Não vamos fazer de Belo Horizonte um pandemônio porque nós estamos há dias da vacina e do fim dessa tragédia”, afirmou o prefeito.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 4

Belo Horizonte ainda não tem data prevista para sair da fase vermelha.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 5
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Últimos artigos