CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O governador afastado Wilson Witzel (PSC-RJ) usou as redes sociais nesta quarta-feira (2) para se manifestar após o Superior Tribunal de Justiça votar pela manutenção de seu afastamento do governo do Rio de Janeiro. ‘Jamais cometi atos ilícitos’.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Veja a declaração de Witzel:

“Respeito a decisão do Superior Tribunal de Justiça. Compreendo a conduta dos magistrados diante da gravidade dos fatos apresentados. Mas, reafirmo que jamais cometi atos ilícitos.

Não recebi qualquer valor desviado dos cofres públicos, o que foi comprovado na busca e apreensão. Continuarei trabalhando na minha defesa para demonstrar a verdade e tenho plena confiança em um julgamento justo.

Desejo ao governador em exercício, Cláudio Castro, serenidade para conduzir os trabalhos que iniciamos juntos e que possibilitaram devolver ao povo fluminense a segurança nas ruas e, com isso, a esperança em um futuro melhor.”

 

Até a publicação desta reportagem, 14 dos 15 ministros do STJ já tinham votado a favor da manutenção do afastamento de Witzel, determinado na última sexta-feira (28) pelo relator do caso, ministro Benedito Gonçalves — um ministro se manifestou contra.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE