Ouça essa matéria na integra

Diversos militantes petistas se reúnem neste momento na porta da sede da Polícia Federal (PF) em Curitiba, para esperar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que deve ser solto ainda nesta sexta-feira (8).

A presidente do partido, Gleisi Hoffmann disse que ele vai ao local agradecer os petistas que fazem vigília desde o início de sua prisão, em abril do ano passado, e seguirá depois para São Paulo.

Amanhã, Lula vai para São Bernardo encontrar amigos e a militância no Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo.