O governador de São Paulo João Doria afirmou em entrevista ao SPTV, da TV Globo, que as pessoas que fizerem aglomerações nas ruas serão advertidas e orientadas, mas que se insistirem poderão ser presas pela  Polícia Militar.

“Se não houver consciência das pessoas, seja na região de São Paulo ou qualquer outra região neste fim de semana, nós estamos monitorando isso pelos celulares, a partir de segunda-feira o governo de São Paulo tomará medidas mais rigorosas, com a penalização de prisão para as pessoas que desobedecerem essa recomendação. Eu espero que a gente não chegue a esse patamar, mas se chegarmos, vamos fazer isso em defesa da vida.”, disse o tucano.

“Eu espero que a gente não chegue a esse patamar, mas, se chegarmos, vamos fazer isso em defesa da vida”, disse Doria

 

Siga a Gazeta Brasil no Instagram