sexta-feira, 16 de abril de 2021

Itália impõe lockdown nesta quinta para conter Covid no Ano Novo

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 1

 (ANSA) – A partir desta quinta-feira (31), a Itália amanhecerá novamente classificada como “zona vermelha” na pandemia do novo coronavírus, em uma tentativa do governo de conter o avanço da Covid-19 durante as celebrações de Ano Novo.   

A cor vermelha é a última na escala de risco definida por Roma para evitar uma nova onda da crise sanitária e prevê regras semelhantes às do lockdown vigente entre março e maio, como fechamento do comércio não essencial e proibição de sair de casa a não ser por motivos de trabalho, saúde ou urgentes.   

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 2

A medida ficará em vigor até o próximo dia 6 de janeiro de 2021, data em que é celebrado o “Dia de Reis”, chamado também de “Epifania do Senhor”. No entanto, a única exceção será o dia 4, quando o país voltará para a faixa laranja, na qual está proibido deslocamentos interregionais e intermunicipais. Nessa classificação, porém, é permitido sair de casa sem motivo, mas restaurantes também têm de suspender serviços de mesa. 

A exemplo do que aconteceu no Natal, o Ano Novo também estará sob vigilância especial por policiais que fiscalizarão não só estradas e rodovias, mas também a web, para interceptar possíveis organizações de festas e eventos clandestinos.   

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 3

O objetivo é evitar aglomerações, principalmente durante a passagem do ano, quando o toque de recolher, que geralmente termina às 5h da manhã, será estendido até as 7h do dia 1º de janeiro.   

As restrições serão as mesmas impostas na semana do Natal, como a proibição de viajar, exceto para visitar amigos ou parentes. O governo permitirá apenas uma saída ao ar livre diária e deixará os italianos receber apenas dois convidados em casa. Por esta razão, a polícia vai estabelecer controles mais rígidos, em particular nos carros com mais de dois passageiros.   

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 4

Todas as pessoas que não respeitarem as regras correm o risco de ser sancionados, com multas que podem variar de 400 a mil euros.   

Segundo a Confederação Nacional dos Cultivadores Diretos (Coldiretti), quase um em cada dois italianos (47%) está pronto para denunciar qualquer comportamento incorreto, como festas com muitos convidados e eventos abusivos. (ANSA)
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE 5
Gazeta Brasil
Gazeta Brasilhttps://www.gazetabrasil.com.br
A Gazeta Brasil é um jornal brasileiro diário editado na cidade de São Paulo. Publica textos, fotos, vídeos no formato digital. Faz parte do grupo AZComm Comunicação e Eventos.
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Últimos artigos