Foto: reprodução

Ouça essa matéria na integra

Rodrigo Maia afirmou, na noite desta quinta-feira (07), que o Congresso não deve enfrentar o Supremo Tribunal Federal (STF). A declaração foi dada antes do término do julgamento da Corte.

“A gente tem que tomar certo cuidado porque tivemos a oportunidade de ter tratado disso [segunda instância] em março. [Apreciar as propostas] logo depois que o Supremo decidir que ia revisitar o tema, pode parecer que a gente está querendo enfrentar o Supremo e não é o caso”, afirmou o presidente da Câmara.