CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Ao comentar sobre a violência vista em vários protestos nos EUA desde a morte de George Floyd, o candidato democrata à presidência dos EUA, Joe Biden, disse que o movimento de extrema-esquerda ‘Antifa’ é “uma ideia, não uma organização”. O comentário foi feito durante o primeiro debate presidencial antes das eleições de 3 de novembro, na noite desta terça-feira (29).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Antes, Trump havia comentado que os Antifas e anarquistas da extrema-esquerda são mais perigosos do que os supremacistas brancos e milícias. “Alguém tem que fazer algo sobre a Antifa e a esquerda porque isso não é um problema da direita”, disse Trump. Biden então respondeu que o próprio diretor do FBI, Chris Wray, “disse que a ameaça vem de supremacistas brancos”. “Antifa é uma ideia, não uma organização, não é milícia, foi o que seu diretor do FBI disse”.

No início do mês, Wray havia dito a legisladores que a Antifa é uma ideologia ou um movimento, não uma organização, ao referir-se à intenção de Trump de classificá-la como um grupo terrorista. Porém, o diretor do FBI disse também que os ativistas eram uma preocupação séria, que a Antifa é uma “coisa real” e que a polícia federal havia realizado “investigações devidamente fundamentadas sobre o que descreveríamos como extremismo violento”, incluindo de indivíduos que se identificam com a Antifa.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE