Sérgio Lima, dirigente da Aliança pelo Brasil, disse que o partido criado pelo presidente Jair Bolsonaro, já recolheu as assinaturas necessárias para sua fundação.

De acordo com Lima, que deu entrevista ao O Estadão, ainda falta “converter” as fichas em assinaturas válidas no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O prazo estabelecido por dirigentes é 7 de março. Considerando que o tribunal tem 15 dias para conferir as assinaturas, está em cima do laço.

Siga a Gazeta Brasil no Instagram